quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Resultado Sorteio de Natal


Leitores queridos,

Foi um prazer sortear para vocês o Livro dos Personagens de Harry Potter (Veja mais sobre isso aqui) em parceria com a Livraria Janina. Vocês me deram um ano maravilhoso e isso foi o mínimo que eu poderia fazer para retribuir tanto carinho.

Minha sobrinha modelo, haha

Fiquei super feliz com a participação maciça e a página do blog no Facebook alcançar mil curtidas. Obrigada!

Então, agora vamos ao que interessa: O ganhador!

Foram 76 participações e eu coloquei todas em ordem de acordo com o comentário na foto oficial. No site Sorteador pedi um número entre 1 e 76 às 14:22 de hoje e o resultado foi...



NÚMERO 27 – LARISSA KLEIN!

Meus parabéns! Espero que goste do livro e que se encante hoje e sempre com a magia de Harry Potter. (E não, a minha sobrinha Lelê não vem de brinde, é só o livro mesmo, haha).

Até o ano que vem, gente! E que 2016 venha com muitos mais livros, filmes, histórias e amor para todos nós.

Beijos,

Teca Machado

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Sorteio de Natal 2015


Ho, ho, ho! Papai Noel chegou!

É véspera de Natal e eu tenho uma surpresa para vocês: Um sorteio super legal!

Em parceria com a Livraria Janina, eu fiquei pensando:

O que sortear para os leitores mais legais da blogosfera?

Refleti vários dias e decidi por algo que todo mundo gosta, o Harry Potter.

Mas o que? Algo diferente, colecionável, lindo e que não fosse simplesmente o livro. Então decidi:

O Livro dos Personagens de Harry Potter!

Foto do livro com direito a sobrinha modelo, hahaha

Todo cheio de fotos, colorido, de papel luxuoso e curiosidades de trás das câmeras dos filmes, é uma edição lindíssima que vai fazer você se encantar ainda mais pelo universo de Hogwarts.





E o que você precisa fazer para ganhar? Simples demais!

Curtir a página do blog Casos, Acasos e Livros aqui e curtir e comentar a foto do sorteio aqui.

O sorteio é válido para pessoas de todo o Brasil e o resultado sai dia 31 de dezembro. Você pode participar até o dia 30.

“May the odds be ever in your favor”.

Boa sorte e Natal maravilhoso para vocês.

Teca Machado

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Esc@ndalo – Sexting que dá cadeia


Se tem um livro que me deixou mais angustiada com o passar de cada página foi Esc@ndalo, de Therese Fowler, da Editora Novo Conceito, que peguei em parceria com a Livraria Janina. Meu coração ficou extremamente apertado e fiquei muito indignada com a situação pela qual os protagonistas passaram. É aquele tipo de livro que após você terminar a leitura, precisa de uma história mais leve, mais “bobinha”, senão fica numa ressaca literária tremenda. É impossível não se envolver emocionalmente com tudo o que acontece.


Esc@ndalo é uma espécie de Romeu e Julieta dos tempos digitais. Na história conhecemos Amelia e Anthony, um casal de formandos de ensino médio da Carolina do Norte que está loucamente apaixonado. Eles vivem uma relação de amor verdadeiro intensa e profunda. Mas os pais da garota são muito rigorosos e superprotetores, ainda mais porque ela é muito rica e Antonhy é modesto, filho de uma professora. Eles não a deixam namorar, mas Amelia mantém seu relacionamento escondido.

Quando o pai de Amelia acha nos computadores dela fotos de Antonhy nu, aciona a polícia e o rapaz é preso, já que ele é maior de idade e ela ainda tem 17 anos. E o caso, que parecia simples a ponto de as autoridades nem saberem como tratar, nas mãos de um promotor conservador e querendo atenção ganha contornos muito sérios, com acusações gravíssimas contra os dois adolescentes. Eles se afundam cada vez mais na lama do sistema judiciário e as consequências são as piores possíveis. Eles são “culpados”, pois fizeram as fotos, mas isso é passível de prisão, ter a marca de agressor sexual e de envolvimento do FBI?

Therese Fowler
O enredo de Esc@ndalo pode soar exagerado. O sexting virar motivo de cadeia e processos? Parece ficcional. Mas Therese Fowler inspirou o livro na história do seu filho mais velho, que aos 19 anos foi preso por causa de fotos enviadas para a namorada e teve sua vida revirada de ponta cabeça. Além disso, temos que ter em mente que as leis americanas são muito mais rígidas nesse sentido do que as nossas.

A obra é dividida em três atos e a escrita da autora é muito fluida e simples em terceira pessoa pelos olhos de Amelia, Anthony, o pai dela e a mãe dele. Mesmo tendo mais de 400 páginas, é uma leitura rápida. O segundo ato fica um pouco cansativo em alguns momentos porque Anthony e Amelia vão se complicando cada vez mais no caso e parece que só fica nisso por um tempo. Mas o desfecho é ótimo, nos faz torcer desesperadamente por um final feliz ou pelo menos um que não seja tão horrível quanto a perspectiva de futuro dos protagonistas.

Esc@ndalo é um alerta para os jovens. Não se atreve a dizer que não se pode amar, que não se pode relacionar, que não se pode até mesmo tirar fotos suas. Mas a lição que fica é para tomar muito cuidado com o que você compartilha em redes sociais, com o que você mesmo sem querer deixa exposto para outras pessoas acessarem. Vivemos num mundo onde nada do que é feito em computadores, internet e smartphones será realmente deletado ou esquecido, por isso é preciso estar de olhos abertos para não viver uma situação tão absurda, mas ainda assim real, quanto a de Anthony e Amelia.

Recomendo.

Compre o seu exemplar de Esc@ndalo e muitos outros livros aqui na Livraria Janina.

Teca Machado

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Miss Universo 2015 EPIC FAIL


2015, seu malandrinho! Você não para de nos surpreender.

Eu até tinha um post programado para hoje, mas o bafafá sobre o Miss Universo ontem de madrugada foi tão grande que é impossível não colocar o vídeo. E eu, como sou super fã de concursos de Miss e vejo todos os anos, não podia perder.

Se você não sabe o que aconteceu, prepare-se para a maior vergonha alheia do ano.

Descoroação da Miss Colombia.

O apresentador Steve Harvey anunciou a vencedora errada. Ariadna Gutiérrez, Miss Colômbia, foi coroada como Miss Universo 2015. Pulou de alegria, chorou, pegou a faixa, a coroa, as flores, deu tchauzinho e comemorou. De repente Harvey volta para o palco todo sem graça e diz que leu errado no papel, que a vencedora é, na verdade, Pia Wurtzbach, a Miss Filipinas. Aí foi aquela situação constrangedora porque NINGUÉM, nem a produção, sabia o que fazer.




A Miss Colômbia era realmente lindíssima, o vestido de gala maravilhoso, mas a minha torcida era para a Filipinas, que era mais elegante e com mais classe, além de bem mais simpática. Ainda assim, a Colômbia era a minha segunda preferida e morri de dó da situação, de como ela chorou depois e como foi chato o que aconteceu com ela.

A verdadeira Miss Universo, a Miss Filipinas

Será que Steve Harvey vai ser convidado para apresentar mais alguma coisa o resto da vida? Acho que não rola, né?

Teca Machado

sábado, 19 de dezembro de 2015

Em Busca de Cinderela – Conto da série Hopeless


Se tem uma mulher que sabe escrever livros nesse mundo o nome dela é Colleen Hoover. A autora sabe mexer com os nossos sentimentos com histórias que possuem carga emocional muito grande, mas o faz de forma delicada, linda e de tocar o coração. O último livro que li dela, Em Busca de Cinderela, é, na verdade, um conto, uma pequena continuação da série Hopeless, cujos livros Um Caso Perdido e Sem Esperança comentei aqui e aqui.


Em Busca de Cinderela, os protagonistas são personagens secundários da história principal, Daniel, melhor amigo de Holder, e Six, melhor amiga de Sky que vai para um intercâmbio nos livros anteriores. Mesmo não sendo o foco, Holder e Sky aparecem bastante, para alegria dos fãs que sentiam saudades do casal.

O conto começa um ano antes, na época em que a irmã de Holder morreu e ele ainda não conheceu Sky. Daniel tem um período vago entre as suas aulas e mata o tempo dormindo num armário de vassouras do colégio. Certo dia, uma garota literalmente cai em cima dele ao entrar no seu santuário. Está muito escuro e ele não sabe quem ela é e nem ela sabe quem ele é. Mas a conexão entre os dois é instantânea e às cegas eles vivem um romance breve, mas que marcou muito as suas vidas.

Colleen Hoover
Daniel, que é o narrador em primeira pessoa, continua pensando na sua Cinderela, mesmo nunca mais tendo tido notícias dela. Quando meses depois Six, amiga de Sky, volta do seu intercâmbio na Itália e o garoto a conhece, logo de cara fica apaixonado. Mal sabe ele que se trata da sua Cinderela. Eles vivem intensamente o amor que surge, mas a realidade é muito mais complicada do que um conto de fadas, as responsabilidades adultas são muitas vezes dolorosas.

Mais uma vez a sinopse de uma história da Colleen Hoover não faz justiça ao que é o livro. Parece só um romance Young Adult comum, mas ele tem tanto mais, é tão mais profundo. Só que não posso contar, senão é um spoiler muito grande e eu não faria isso com vocês. ;)

Daniel e Six são sensacionais! Os personagens são engraçados, bem humorados, intensos e divertidos. O que Holder e Sky tinham de mais sérios, esses dois têm de leveza. Como vemos a história pelos olhos do Daniel, somos presenteados o tempo todo com as suas tiradas inteligentes e sarcásticas que nos fazem amá-lo cada vez mais. A sua família é muito legal também. A Six também é adorável. Meio louca e irônica, seus diálogos são ótimos. Me peguei sorrindo várias vezes durante a leitura.

O legal de Em Busca de Cinderela é que nas primeiras páginas da obra Colleen Hoover diz que esse, na verdade, era um conto gratuito que ela distribuiu na internet como forma de agradecimento aos fãs que tanto amaram seus livros anteriores. Mas as pessoas começaram a pedir que o volume fosse impresso também para poderem ter a coleção inteira. Além disso, ela conta a sua história de Cinderela e nós podemos ver como foi o começo da sua carreira.


Em Busca de Cinderela é um livro curtinho, delicioso e que vai ser lido em pouco tempo. Eu mesma li numa tarde. Só fiquei triste por ter acabado rápido porque tive que me despedir dos personagens mais uma vez. A história é independente dos outros livros, mas é bom ler na ordem para não pegar alguns spoilers dos livros passados.

Recomendo muito.

Compre toda a série Hopeless aqui na Livraria Janina.

Teca Machado

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

50 Shades of Pop – Mashup DJ Earworm 2015


Quem me acompanha sabe que eu sou fã de mashups bem feitos e todos os anos espero ansiosamente dois DJs liberarem as suas retrospectivas com as músicas mais tocadas nos últimos 12 meses. Há algumas semanas postei aqui a edição 2015 do Daniel Kim, o Pop Danthology. Agora chegou a vez do DJ Earworm.

A versão 2015 do DJ Earworm é chamada 50 Shades of Pop. Para dar o nome, ele sempre faz alguma referência a algo que marcou o ano, além disso, dessa vez ele usou 50 músicas.

Aperte o play e deixe o volume beeeem alto que está ótimo:




A lista completa de músicas inseridas segue abaixo:

Adele – Hello
AlunaGeorge and DJ Snake – You Know You Like It
Andy Grammer – Honey, I’m Good.
Ariana Grande ft. The Weeknd – Love Me Harder
Big Sean ft. E-40 – I Don’t F*** With You
David Guetta ft. Nicki Minaj & Afrojack – Hey Mama
Demi Lovato – Cool For The Summer
Drake – Hotline Bling
Ed Sheeran – Photograph
Ed Sheeran – Thinking Out Loud
Ellie Goulding – Love Me Like You Do
Fall Out Boy – Centuries
Fetty Wap – Trap Queen
Fetty Wap ft. Remy Boyz – 679
Fifth Harmony ft. Kid Ink – Worth It
Flo Rida ft. Sage The Gemini – GDFR
Jason Derulo – Want To Want Me
Justin Bieber – Sorry
Justin Bieber – What Do You Mean
Major Lazer ft. MO & DJ Snake – Lean On
Mark Ronson ft. Bruno Mars – Uptown Funk
Maroon 5 – Sugar
Meghan Trainor – Lips Are Movin
Meghan Trainor ft. John Legend – Like I’m Gonna Lose You
Natalie La Rose ft. Jeremih – Somebody
Nick Jonas – Jealous
Nicki Minaj ft. Drake & Lil Wayne – Truffle Butter
Omarion ft. Chris Brown & Jhene Aiko – Post To Be
OMI – Cheerleader (Felix Jaehn Remix)
One Direction – Drag Me Down
Pitbull ft. Ne-Yo – Time Of Our Lives
R. City ft. Adam Levine – Locked Away
Rachel Platten – Fight Song
Rihanna – Bitch Better Have My Money
Rihanna ft. Kanye West & Paul McCartney – Four Five Seconds
Sam Smith – I’m Not The Only One
Selena Gomez ft. A$AP Rocky – Good For You
Shawn Mendes – Stitches
SIlento – Watch Me
Skrillex & Diplo ft. Justin Bieber – Where Are U Now
Taylor Swift – Blank Space
Taylor Swift – Style
Taylor Swift – Bad Blood
Taylor Swift – Wildest Dreams
Tove Lo – Talking Body
Walk The Moon – Shut Up And Dance
Wiz Khalifa ft. Charlie Puth – See You Again
The Weeknd – Earned It
The Weeknd – The Hills
The Weeknd – Can’t Feel My Face

Veja a edição 2014, a Do What You Wanna Do, aqui.

Teca Machado

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Dr. Albieri, me vê uns 5 clones para dezembro. Grata! - Projeto Drama Queen #60 – Por Carol Daixum




Mundinho cor de rosa da Carol: 

- Bom dia, Dr. Albieri! Me vê aquele clone esperto! 
- Claro! Hoje vai ser para qual lugar? 
- Preciso daquela Carol calma e paciente. Enquanto eu trabalho, ela vai lá enfrentar a fila quilométrica do Correio. 
- Iiiii, meu Deus. Já vai sair! 

(15 minutos depois) 

- Dr. Albieri, desde quando meu cabelo é assim? 
- Quis inovar, minha querida. Você fica bem de franja. Deveria experimentar! 
- Vou pensar no seu caso. Querida clone, hoje você vai precisar ser zen, viu? 
- Qual a minha tarefa, chefe? 
- Correio. 
- De novo? 
- Eu sei, um saco! Mas não vai ter jeito. 
- Tudo bem, sem problemas. 

(2 horas depois) 

- Chefe, te liguei só para avisar que já está tudo entregue e vai chegar até sábado na casa das pessoas e nem precisamos pagar o serviço mais caro. 
- Já te falei que você, meu clone, é um máximo? 
- Obrigada, chefe. Posso ir? 
- Sim. Semana do ano novo vou precisar de você para o Ano Novo. 
- Qual vai ser a cor que vou usar dessa vez? 
- Ainda estou vendo, mas aviso. E falar para o Dr. Albieri que vou precisar de mais uns 8 clones. 
- Ok, chefe. Estou à disposição. 

Nota mental: Obrigada, Santinho dos clones. O que seria da minha sem eles.... 


Mundinho real (e cruel) da Carol:

- Filha, você não está atrasada? 
- AI MEU DEUS! QUE HORAS SÃO? 
- 11h30. 
- Ai meu SENHOR! Não vou conseguir ir no correio. E agora, pai? 
- Não tem como atrasar um pouco? 
- Tenho que fechar cinco matérias. 
- E amanhã? 
- Fechamento do jornal. 
- Filha, eu tenho que trabalhar. Não vou conseguir te ajudar. 
- Por que minha mãe teve que viajar, hein? E por que o Johnny não fala? Ia me ajudar!!
- Por que ele é um cachorro? 
- Ai palhacinho, você entendeu. 
- Filha tenho que ir. Boa sorte, vai dar tudo certo, viu? Sem drama!
- EU NÃO FAÇO DRAMA. Só coloco as minhas emoções para fora de um jeito sensível. 

(No correio, 1 hora depois de enfrentar aquele trânsito) 

- Tá demorando muito moça? 
- Tá sim. Dois funcionários faltaram. 
- Mas a senhora tem prioridade.
- POR QUÊ? 
- Por causa do bebezinho ai dentro da sua barriga. É para quando? 
- QUERIDA EU NÃO ESTOU GRÁVIDA!!!!
- Tem certeza, moça? 
- Não, na verdade estou na dúvida. Inclusive nem sei quem é o pai. Se é o seu marido ou seu irmão. (cara de fala "mais um ai, leva na cara"). 
- A senhora é muito grossa! 
- E você muito sem noção. 
- AI MEU DEUS! JURA QUE TEM 31 PESSOAS NA MINHA FRENTE? 
- Sinto muito! (responde a sem noção e rindo da minha cara por dentro! Droga, por que eu não falei que estava grávida). 

(1 hora e meia depois) 

- ONDE VOCÊ ESTÁ? 
- No trânsito, chefinha. 
- Preciso das matérias, urgentemente. 
- Droga, por que eu não falei que estava grávida? 
- OI? 
- Nada não. Já estou chegando, daqui a pouco.... SHUUUUUU.... A ligação está ruim... SHUUUUU... Vou desligar, ja estou chegando. Alô? Alô? Caiu!!
- Oi, moço. Desculpa, mas posso passar na sua frente? Se eu não chegar daqui a 10 minutos no meu trabalho, vou ser demitida... 
- Senhora, idem...
- Moço, o senhor por acaso está grávido? Esta desesperado por que o senhor vai ser pai solteiro? Ah! E pobre ainda por cima se não chegar daqui a DEZ MINUTOS no trabalho? 
- Menina, mil desculpas. Não sabia. Por que não falou antes? Pode passar sim! 
- Obrigada, Deus lhe pague!!!!! 
- Imagina. Vai dar tudo certo, viu? 
- Espero! (desculpa, gente! mas tive que fazer esse draminha e de quebra vi que a funcionária sem noção me encarou feio)

(10 minutos depois)

- Quanto deu moço? 
- R$ 255,55
- Mas eu não pedi o frete mais em conta? 
- Esse mesmo! 
- Ok..... E chega quando? 
- Olha, tudo vai depender, mas acredito que até dia 04... Se a senhora tivesse aqui um pouco mais cedo. 
- 04 DE JANEIRO?
- Exato... A senhora quer mais alguma coisa? 
- Um clone por favor! 

Compartilhando meu pensamento: Um Dr. Albieri nesse momento não salvaria? Queria clones pelos menos nessas épocas do ano. Eu amo Natal e Ano Novo, mas a vida parece que fica mais agitada e o tempo mais curto do que de costume. Não é drama, juro! Mas tem que ver isso aí de só vinte quatro horas por dia. Tem que ver isso aí! Grata!!!! ;-) 

****

O texto de hoje é inspirado na vida real, mas com uma dose ULTRA EXTRA de exagero. Lembrando que o Projeto Drama Queen é uma parceria dos blogs Pequena Jornalista e Casos Acasos e Livros. Quer participar? Envie seu relato para o nosso email: projetodramaqueen@gmail.com. E não esqueçam de curtir nossa Fan Page. 

Ah! Tem algum draminha no estilo? Pode desabafar ai no comentários. Você não esta sozinha, viu? Vamos providenciar mil clones para a gente. ;-) 

Beijos,
Carol.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Simplesmente Amor em GIFs


Está chegando aquela época do ano... 

O Natal? Você me pergunta.

Ah, ele também.

É a época de assistir de novo SIMPLESMENTE AMOR!

Se você nunca assistiu Simplesmente Amor, te recomendo parar o que você está fazendo agora e correr para ver. Tem a resenha dele aqui, mas posso te dar um resumão se você está com preguiça de ler a crítica inteira:

Londres, semanas antes do Natal. Várias pessoas, de algum modo interligadas, estão se preparando para as festas de fim de ano. São histórias sobre família, amizade, amor, traição, felicidade, mas nem sempre com finais felizes. Um filme delicado, sensível, engraçado, emocionante e com muito sotaque britânico.

Dito isso, separei para vocês alguns GIFs dessa maravilhosidade que é Simplesmente Amor:













Agora preciso ir e assistir pela 283750357 vez Simplesmente Amor. Tchau para vocês!

Recomendo demais!

Teca Machado


terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Os Segredos de Colin Bridgerton – Livro 3 da série de época Os Bridgertons


Os Bridgertons definitivamente são a minha família ficcional preferida, seguidos de perto pela família Hall, do livro/filme Se Eu Ficar, de Gayle Forman. A cada livro da série de romances de época da Julia Quinn, eu fico mais encantada e apaixonada. E nesse quarto volume, Os Segredos de Colin Bridgerton, que peguei em parceria com a Livraria Janina, não foi diferente. Continuo num amor eterno por todo o clã.


Já resenhei para vocês O Duque e Eu, O Visconde Que Me Amava e Um Perfeito Cavalheiro. Estava ansiosa por Os Segredos de Colin Bridgerton, já que ele é o mais carismático, lindo e encantador dos oito filhos de Violet Bridgerton. E nesse volume ele continuou me mostrando o porquê de ele ser o mais amado pelos leitores e por toda sociedade londrina do Século XIX. Sempre vimos Colin como perfeito e incrível, mas agora ele mostra que é humano, que erra, que é inseguro, que é às vezes até meio grosso, mas não deixa de ser aquele cara dos nossos sonhos, um excelente personagem de romance de época.

Como já sabemos, o protagonista é Colin Bridgerton, o filho que nunca sossegou. Aos 33 anos ainda não havia se casado. Não que ele fosse contrário à ideia de casamento, é só que ele nunca tinha se apaixonado, como seus irmãos. E ele não aceitaria nada menos do que ter um casamento com amor verdadeiro, então, ele preferia viajar pelo mundo, já que sempre foi aventureiro e não gostava de ficar em um lugar só durante muito tempo. Mas após uma viagem de meses, Colin volta à Londres e uma amiga se “transforma” aos seus olhos.

Todos nós conhecemos Penelope Featherington, uma velha conhecida dos livros Os Bridgertons, melhor amiga de Eloise e sempre apaixonada por Colin. Mas ela era o patinho feio, a adolescente gordinha e sem graça, invisível aos olhos dos homens e da sociedade. Nunca achou que Colin pudesse olhar para ela de forma diferente que não fosse de amizade. Aos 28 anos, Penelope havia aceitado o seu papel de solteirona. Mesmo que fosse dona de uma personalidade cativante, ainda que tímida, inteligente, perspicaz, uma beleza menos óbvia, mas ainda assim linda, nenhum homem se interessava por ela. Até que com o aprofundamento da amizade entre ela e Colin, começa a surgir algo a mais, inocente a princípio, mas ainda assim florescendo.

Julia Quinn
Muita gente disse que esse é o livro mais fraco da série, mas eu não concordo. Não foi o meu preferido, mas continua com a qualidade altíssima, do tipo que te faz suspirar, gargalhar e se emocionar, afinal, é da Julia Quinn que estamos falando. Talvez alguns leitores não tenham sido arrebatados porque o romance dessa vez é mais gradual. Não foi um raio fulminante que desceu e acertou os seus corações. Foi uma amizade que a medida que se intensificava, ganhava contornos de amor, o que, convenhamos, é o que acontece bem mais na vida real do que o amor à primeira vista.

A relação entre Penelope e Colin é doce, fofa, linda e, por vezes, bem caliente. Devido à narrativa onisciente em terceira pessoa com os pontos de vistas dos dois protagonistas, sabemos tudo o que passa na mente deles e conhecemos melhor esses dois personagens dos quais tivemos apenas um vislumbre nos livros anteriores. 

Em Os Segredos de Colin Bridgerton um ponto de destaque é Lady Whistledown. A maior fofoqueira do Século XIX tem a sua identidade revelada, mas antes disso, uma proposta de que quem a desmascarasse ganharia uma fortuna, mexe com os ânimos da alta sociedade londrina a ponto de criar intrigas, mentiras, conspirações e perseguições.

Julia Quinn dispensa elogios com seus livros incríveis, criativos e facílimos de ler. Apesar do tema de época e de passar nos anos 1800, a linguagem é tranquila, entre a formal e a informal, com uma narrativa envolvente, personagens lindos e enredo com pontas amarradas e que nos deixa doidos para ler os próximos.  

Recomendo muito.

Compre Os Segredos de Colin Bridgerton e todos os livros da série aqui na Livraria Janina.

Teca Machado

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Reação das pessoas quando são chamadas de lindas


Como você reage quando alguém te fala que você é lindo?

A estudante americana Shea Glover fez um experimento social na sua escola em Chicago. Pegou uma câmera, pediu para as pessoas posarem e quando já estavam a postos dizia “Eu estou tirando fotos de coisas que eu acho lindas”. As respostas são incríveis.

Ela escreveu no Youtube que a sua intenção não era perceber a reação das pessoas, ela queria simplesmente capturar a beleza e esse foi o resultado.

As reações são as mais variadas e, tirando um caso, sempre são positivas.

Veja algumas das fotos e o vídeo do projeto:












Fonte: Bored Panda

Por um mundo onde todo tipo de beleza seja aceita.

Teca Machado

sábado, 12 de dezembro de 2015

Roube Como Um Artista – Vire um cleptomaníaco criativo


A mensagem é clara: Você não precisa ser um gênio para ser criativo. Basta estar rodeado de pessoas e obras criativas e se inspirar nela (Não copiar ou plagiar). Isso é roubar como um artista, ser um cleptomaníaco de boas ideias e adaptá-las.


Quando vi no blog da Juju (As Besteiras que me Contam) uma resenha sobre o livro Roube Como Um Artista, de Austin Kleon, um designer gráfico, fiquei enlouquecida de vontade de ler, tanto pelo título intrigante quanto pela proposta da obra. Com dicas muito bacanas, divertidas e simples sobre criatividade, esse livro curtinho tem o poder de te ajudar a mudar o rimo da sua forma de pensar, trabalhar e agir em vários aspectos da sua vida, principalmente no profissional.

Austin Kleon nos apresenta 10 pontos importantes para “ativar” a criatividade. São 10 pontos que funcionam para ele e podem funcionar para nós. A partir daí ele discorre por algumas páginas sobre o assunto, sempre citando frases de outras pessoas, contando o que ele faz e dando exemplos práticos.


Os conselhos são válidos para toda e qualquer área de atuação, mas eu me identifiquei muito, já que várias dicas são extremamente válidas para escritores. Tanto que a nº 3 é “Escreva o livro que você quer ler”, algo que mesmo antes de conhecer Roube Como Um Artista eu dizia sobre meu livro I Love New York e os outros que estou escrevendo, que apenas escrevia algo que eu gostaria de ler.

Facílima de ler, as páginas da obra voam pelos seus dedos. Mas não se engane: Esse é aquele tipo de livro que você deve apreciar com calma, digerindo e refletindo sobre cada linha que leu. Tanto que eu me obriguei a me fixar em apenas um conselho por dia para não acabar logo e realmente internalizar o que foi dito ali.

Meu trecho preferido


A linguagem é bem moderna e irreverente, isso porque certa vez ele foi convidado para fazer uma palestra aos alunos de uma escola em Nova York e formatou seu discurso em cima das 10 coisas que gostaria que alguém tivesse dito a ele quando estava começando. A palestra se espalhou de forma viral pela internet e Austin Klein resolveu sintetizar tudo isso num lugar só.

O visual de Roube Como Um Artista é, como poderíamos imaginar, criativo. Baixotinho, o livro é quadrado. Cheio de imagens, desenhos, rascunhos do próprio Austin Kleon, diagramas, trechos em destaque e parágrafos bem espaçados, é aquele tipo de obra que é um deleite para os olhos.



E, apesar de tudo o que foi dito e apresentado, o autor ainda é humilde o suficiente para dizer: “Alguns conselhos podem ter falhas. Sinta-se livre para pegar o que você pode usar e deixar o resto. Não há regras”.

Mês passado a Rocco lançou Roube Como Um Artista: O Diário. Segundo a editora se trata de “um verdadeiro livro de atividades ou caderno de anotações para o leitor registrar todo tipo de observação sobre ele mesmo e sobre o mundo e as pessoas a sua volta, formando assim um vasto panorama de seus pensamentos, gostos, interesses, dificuldades e de suas influências. São mais de 200 páginas de exercícios – ou brincadeiras, para quem prefere olhar por esse lado – que estimulam o autoconhecimento e a criatividade”. Claro que vou querer ler também.


Roube Como Um Artista é uma obra indispensável para todo mundo, independente da profissão.

Recomendo muito.

Compre o seu exemplar aqui na Livraria Janina.

Teca Machado


sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Harry Potter em 2 minutos – Pencilmation Cartoons


Você já ouviu falar do Pencilmation Cartoons?

São vídeozinhos super bem humorados feitos pelo ilustrador Ross Bollinger. As animações são feitas como se fossem desenhadas a lápis, no melhor estilo boneco palito, e falam sobre vários assuntos.

Conheci o trabalho dele quando essa semana vi um resumo de Harry Potter e a Pedra Filosofal e achei sensacional. O livro e o filme em menos de dois minutos:




Uma fofura, né?

Você pode ver outros vídeos do Pencilmation aqui na página de Ross Bollinger ou aqui no seu canal do Youtube. Tem muita coisa bacana, vale ficar um tempo assistindo as pequenas produções.

Teca Machado


quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Dramas de uma bookaholic – Projeto Drama Queen #58


Pode até parecer fácil, é só ler, né? Mas ser um livrólotra, condição também conhecida como bookaholic, tem lá suas dificuldades.

Como eu sou uma pessoa levemente descompensada quando o assunto são meus amados livros, posso listar uns dramas para vocês.


1- Você nunca sabe qual livro ler em seguida.

Se você é um verdadeiro bookaholic deve ter uma pilha de livros não lidos na sua estante. Quando você termina uma obra, claro que já quer emendar a leitura de outra, mas qual escolher? Um romance? Uma distopia? Uma fantasia? Um suspense? AI, MEU DEUS, SÃO TANTAS OPÇÕES! E AGORA?

2- Você vira uma periguete literária.

Vivo dizendo quando resenho livros que sou uma super periguete literária. Eu me apaixono e quero dar um amasso em quase todos personagens masculinos que passam pelo meu caminho. Não tenho culpa de amar tanto! Eu quero o Jamie, o Finn, o Alex, o Jace, o Jesse, o Peeta, o Gayle, todos os Bridgertons, o Duque de Hastings, o Ian, o Mr.Darcy... Ai, a lista é longa. Muito, muito longa.


3- Entrar numa livraria é um prazer indescritível. Mas também é uma tortura cruel.

Existe paraíso melhor do que uma livraria ou uma biblioteca? Poderíamos passar horas, dias, semanas lá dentro. Mas a hora de ir embora é complicada. Posso comprar um? E dois? Ah, mas eu queria cinco. Ok, já que vou levar cinco, posso levar oito, né? E se eu completasse a compra com dez livros?

4- Sua estante nunca é grande o bastante.

A sua coleção vai crescendo e a sua estante encolhendo. Nunca tem espaço para tudo o que você comprou, ganhou e trocou. Se deixassem, todas as paredes da sua casa seriam repletas de livros do chão ao teto.

Minha estante de livros não lidos

5- Quando você termina um livro incrível, tudo o que quer é falar dele.

A história foi ótima, os personagens sensacionais e as reviravoltas malucas. Você ficou apaixonado pelo livro, quer falar sobre ele com todo mundo, mas ninguém leu, não tem com quem conversar. Aí você vira o chato das rodas de amigos que fica falando “leia o livro, por favor, é legal, preciso de alguém para comentar”.

6- Você ama terminar um livro. Mas também odeia.

Você quer acabar logo o livro porque precisa saber o final. Mas também não quer acabar para não ficar sem, não ficar órfão. Aí você vive aquele dilema: Devoro o livro ou aprecio bem devagarzinho?

"Eu sou um livrólotra a caminho da recuperação.
Brincadeira. Eu estou a caminho da livraria.

7- Ninguém te entende (A não ser outros bookaholics).

As pessoas dizem: “Mas ler é chato”. “Mais um livro?” “Você não gosta de fazer outra coisa?” “Você já não tem livros demais?” “Para um pouco de ler e conversa comigo”. “Para que ler o livro se tem o filme?” Parem. Apenas parem.

E vocês, bookaholics de plantão, quais são outros dramas que vocês vivem?

***

O Projeto Drama Queen é uma parceria entre os blogs Casos, Acasos e Livros e Pequena Jornalista. Todas as quintas-feiras tem um post bem dramático e bem humorado sobre os mais diversos assunto do cotidiano. Quer participar também? Mande um texto para projetodramaqueen@gmail.com ou pela nossa FanPage.

Beijos,

Teca Machado

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

8 destinos incríveis para visitar em 2016 - Por Lala Rebelo


Oi gente, hoje é dia de falar sobre VIAGENS. E quem está escrevendo é a Lala Rebelo, do blog lalarebelo.com.

Barreira de corais "Blue Hole" em Belize - América Central | foto: Mlenny/iStock 
O ano de 2015 já está quase acabando e chegou a hora de pensar em um 2016 cheio de oportunidades para novas viagens. Depois de muitas pesquisas e andanças ao redor do mundo ao longo do ano, e considerando o atual momento político e econômico de diferentes países, preparei uma lista com 8 destinos que acredito que estarão em alta no próximo ano.

São destinos que já começam, sutilmente, a serem citados nas redes sociais e na mídia especializada, e que vêm atraindo a curiosidade e o interesse dos viajantes. 2016, na minha opinião, será "O" ano para esses lugares, e uma super oportunidade para você conhecê-los.

Confira as minhas apostas:

1. BELIZE | América Central

Belize é um pequeno país na América Central que faz fronteira com o México ao norte e com a Guatemala ao sul e ao oeste, bordeado ao leste pelas águas azuis do Mar do Caribe. Devido à colonização britânica, é o único país da América Central que tem como idioma oficial o inglês (apesar do espanhol e do crioulo ser amplamente falado). Seu território é pequeno, mas oferece os mais diversos tipos de experiências: praias com areia branca e água azul (Ambergris Caye e Caye Caulker), ruínas maias, florestas tropicais e a maior e mais intacta barreira de corais do Hemisfério Norte, pela qual o país é bem conhecido, atraindo mergulhadores do mundo todo. O grande destaque vai para o Blue Hole (foto de capa do post), que tem formato circular perfeito de 300m de diâmetro e profundidade máxima de 124m. Um paraíso para quem gosta da vida submarina.

Belize entra nessa lista não só por suas belezas naturais ou pelo preço cobrado para conhecê-las (que não é superfaturado e está abaixo da média do Caribe), mas também porque agora está mais fácil do que nunca chegar ao destino. A Copa Airlines acaba de lançar vôos de várias cidades brasileiras para Belize, com apenas uma conexão na Cidade do Panamá. Antes, só era possível chegar ao país via Estados Unidos, ou fazendo 2 ou mais paradas em outros países da América do Sul e Central.

Estou muuuuuito animada para conhecer Belize em março/2016! 
  • Melhor época para ir: apesar de fazer calor o ano todo, a melhor época para visitar o país é de fevereiro a maio, que é a estação mais seca do ano.
  • Como chegar: via Cidade do Panamá (Copa Airlines), via cidades dos EUA voando com várias cias aéreas americanas ou via Bogotá + El Salvador voando Avianca.
  • Sugestões de hotéis: El Secreto, X’tan Ha e Las Terrazas.
Saiba mais sobre o destino aqui.

X’Tan Ha Resort em Ambergris Caye – Belize | foto: belizeityourself.com
Que tal um salto de paraquedas com esse visual do Blue Hole? Belize | foto: belizehub.com

2. ZANZIBAR - Tanzânia | África

Casais apaixonados (principalmente os que estão buscando destinos para a lua de mel) sempre sonham com ilhas paradisíacas rodeadas de mar azul turquesa. Enquanto Maldivas e Polinésia Francesa ainda são top of mind, vem à tona outras opções para brigar pelo título de queridinhas, muitas delas coladas na África: Seychelles, Ilhas Maurício e Zanzibar. O destaque, para mim, fica com essa última, devido à sua rusticidade, quase anonimato (para a maioria dos brasileiros) e ótimo custo-benefício.

A ilha, infelizmente, é muito pobre, com infra-estrutura precária, mas muitos bons hotéis oferecem conforto para os turistas. Hakuna Matata é uma frase do idioma local, o Swahili (que legal poder dizer Hakuna Matata na vida real, né?!  Significa “não se preocupe!”).

O arquipélago se encontra no sudeste do continente africano e pertence a Tanzânia (porém tem status semi-autônomo). A ilha, que fica no Oceano Índico, é conhecida como “The Spice Island”, devido a grande produção de especiarias. Já foi um importante ponto de comércio entre África, Ásia e Oriente Médio, por isso absorveu um pouco de cada coisa. A maioria da população é muçulmana.

A capital de Zanzibar, Stone Town (Cidade de Pedra), é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.
  • Melhor época para ir: não há tempo ruim para ir, mas entre junho e setembro o clima está mais seco. Evite os meses de março a maio, com mais chuvas.
  • Como chegar: saindo do Brasil, o melhor jeito é ir primeiro para África do Sul (há vôos diretos para Joanesburgo de South African Airways). Já em terras africanas, existem 2 vôos diretos por semana entre Zanzibar (ZNZ) e Joanesburgo (JNB). Voe MANGO (duração: 3h45). Quem estiver na Tanzânia, é possível ir de ferry boat partindo de Dar es Salaam ou de avião (30 minutos de vôo). Cias aéreas: Precision Air, Bek Air, Auric Air, Thomson Airways e Air Excel.
  • Sugestões de hotéis: White Sand, Melia Zanzibar e Boutique Hotel Matlai.
Zanzibar | foto: micheldenijs/iStock
Matlai Boutique Hotel Zanzibar, Tanzânia | foto: travelopulentbox.com


3. RÚSSIA | Europa

Aconteceu com a moeda da Rússia (Rublo) a mesma coisa que aconteceu com o nosso Real: uma desvalorização absurda. Nunca esteve tão barato ir para lá como agora. Se você tem vontade de conhecer o maior país do mundo, 2016 é a hora. E como o destino sediará a Copa do Mundo de 2018, melhor correr para aproveitar o momento econômico, antes que os preços sejam todos ajustados.

A Rússia é um dos países mais incríveis em que já estive. O lugar em que mais disse “UAU” por metro quadrado. Fui para lá em setembro/2015, e ainda estou abobalhada com tanto conhecimento adquirido e tantas fotos lindas tiradas. O lugar mexe com o imaginário de qualquer um.

Recomendo fazer o roteiro básico das “Duas Capitais”, começando por São Petersburgo e indo depois de trem para Moscou. São metrópoles imponentes, palácios magníficos, igrejas coloridas e uma história que inspirou o mundo.
  • Melhor época para ir: de junho a setembro para evitar aquele frio intenso pelo qual o país é tão conhecido. A segunda quinzena de junho é muito procurada por causa do fenômeno “Noites Brancas”, no qual o sol praticamente não se põe e não há noite.
  • Como chegar: o melhor jeito é pegar um vôo que faz 1 conexão em alguma cidade européia, e depois vai diretamente para São Petersburgo ou Moscou.
  • Sugestões de hotéis: Taleon Imperial Hotel e Kempinski Hotel Moika 22 (São Petersburgo) / Hotel Ararat Park Hyatt (Moscou).
Para mais informações sobre o destino, acesse os posts que já estão no meu blog:
. Introdução – tudo o que você precisa saber antes de ir para a Rússia
. São Petersburgo
. Moscou

Catedral de São Basílio - Praça Vermelha - Moscou
Palácio de Inverno (Museu Hermitage) - São Petersburgo


4. MYANMAR | Ásia

Chegou a hora do Myanmar, mais conhecido como Birmânia, se abrir para o mundo e ser a estrela da vez do Sudeste Asiático. Seus “concorrentes” na região são páreo duro: Tailândia, Laos, Camboja, Vietnã… O país, onde a maioria da população é de religião budista, acabou de votar na primeira eleição livre em 25 anos (nov/15), e viveu um longuíssimo período de regime militar. Quem venceu foi o partido pró-democracia de Aung San Suu Kyi (Nobel da Paz) e agora se inicia um período de transição de governo, que como o próprio atual presidente afirma, será pacífico.

O turismo em Myanmar era boicotado por muitos (com incentivo dos partidos de oposição) pois diziam que todo o lucro servia para alimentar a ditadura. Agora, o país está VERDADEIRAMENTE começando a abrir suas portas, pronto para mostrar aos turistas suas belezas, que são muitas. Como os milhares de templos budistas antiquíssimos de Bagan, as belas paisagens do Lago Inle, a vida real de uma população que sofreu muito e que mesmo assim é super receptiva com os turistas em Yangon e Mandalay, e ainda há centenas de praias e ilhas paradisíacas. A praia mais conhecida chama-se Ngapali. Mas é tudo tão inexplorado que muitas ilhas/praias nem nome tem ainda. Anote o nome desse lugar: Arquipélago Mergui – são mais de 800 ilhas com areia branquinha e água azul turquesa e verde esmeralda no Mar de Andaman.

O país faz fronteira terrestre com Índia, Bangladesh, China, Laos e Tailândia.
  • Melhor época para ir: de novembro a maio, que é a “estação seca” (o país sofre com as monções, que são tempestades com ventos fortes que ocorrem de junho a outubro). Os meses de abril e maio são MUITO quentes.
  • Como chegar: Mandalay e Yangon recebem muitos vôos diretos de Bangkok. Portanto para ir ao Myanmar, melhor ir para Tailândia primeiro (ou apenas fazer conexão).
  • Sugestões de hotéis: Belmond Governor’s Residence (Yangon) / Bagan Lodge (Bagan) / Hilton Ngapali Resort and Spa e Amazing Ngapali Resort (Ngapali). 
Vôo de balão sobre Bagan – Myanmar | foto: internationaltravellermag.com
Shwedagon Pagoda (Golden Temple) em Yangon – Myanmar | foto: myanmartravelandtours.net
Uma das ilhas do inexplorado Arquipélago Mergui, em Myanmar | foto: burmaboating.com

5. CUBA | Caribe

Já não é de hoje que eu venho falando sobre Cuba, né?! O primeiro post sobre o destino foi ao ar no meu blog há mais de 1 ano, e eu já dizia “VÁ LOGO!!”. Após o anúncio da retomada de relações entre Estados Unidos e Cuba, rompidas a mais de meio século, o país vem sendo notícia, e está cada vez mais receptivo às mudanças e aos investimentos internacionais (estive por lá em 2013 e neste ano, 2015).

Recomendo o roteiro Havana + uma praia, que pode ser Varadero (que é maravilhoooooso) ou algum dos Cayos (Cayo Largo, Cayo Coco, Cayo Santa Maria…). Havana é o destino ideal para quem gosta de fazer viagens mais culturais, carregadas de história. Estar no centro de Havana é, de fato, se sentir voltando no tempo, em um verdadeiro museu a céu aberto. São casas, carros, hotéis e restaurantes tão antigos que, facilmente, você vai achar que está nos anos 50.

Varadero é pura PRAIA e é um dos lugares mais turísticos do país. Fica na Península de Hicacos, que é formada por nada menos do que 20km de praias com areia branquinha e água quentinha azul turquesa (e claro, muitos resorts). O motivo da popularidade não é só a beleza do local: das praias lindas de Cuba, Varadero é a mais próxima de Havana (fácil para chegar de carro – cerca de 2h), e a com melhor estrutura de hotéis do país.
Para mais informações sobre o destino, acesse os posts que já estão no meu blog:
. Havana
. Dicas de hotéis e restaurantes em Havana
. Varadero

Havana Velha 
Carros antigos no Paseo del Prado, Habana Vieja - Cuba
Varadero


6. FERNANDO DE NORONHA - Brasil | América do Sul

Esse não é novidade para nós brasileiros. Mas não poderia ficar de fora do post!

Fernando de Noronha é, sem dúvidas, um dos destinos mais lindos do Brasil e do mundo. Mas o porquê do destino estar aqui nessa lista não é apenas a sua beleza, mas sim a alta do dólar. Com o câmbio a quase 4 reais, muitos casais em lua de mel e outros viajantes que buscam destinos paradisíacos, estão preferindo viajar pelo Brasil. É claro que as companhias aéreas e hotéis já perceberam isso e estão ajustando suas tabelas de preços. Portanto, corram!!  Nem por isso a viagem sairá muito mais barata, já que se trata de um destino bem caro (antes e depois da crise). O bom é poder gastar em reais e usar cartão de crédito, sem precisar se preocupar com o câmbio e com IOF.

Fernando de Noronha também entra na lista de tendências de destinos para 2016 no âmbito mundial, já que a desvalorização do real atrai (e muito) turistas estrangeiros.

Um arquipélago paradisíaco (formado por 21 ilhas), cheio de vida marinha preservada e praias maravilhosas. Parece uma mistura de Tailândia, por causa das montanhas, com Caribe, pela cor da água. A ilha é preservada e praticamente intocada. As opções de hospedagem são charmosas, românticas e há muitas pousadas boutique, com piscinas e vistas de arrepiar.
  • Melhor época para ir: faz calor o ano todo, mas se você pretende mergulhar (considerado um dos melhores lugares do mundo para este esporte), programe-se para ir em setembro ou outubro, quando o mar está mais calmo.
  • Como chegar: voe até Recife ou Natal, e de lá pegue um vôo direto para Fernando de Noronha.
  • Sugestões de hotéis: Pousada Zé Maria, Teju-Açu Ecopousada e Pousada Maravilha.
Baía dos Porcos – Fernando de Noronha | foto: pousadazemaria.com.br

7. MONTENEGRO | Europa

O vizinho não-famoso da Croácia entra com tudo na disputa para ser o destino mais cobiçado do próximo verão Europeu. Um país pequenininho, com menos de 700 mil habitantes, na região dos Bálcãs. Era um dos integrantes da antiga Iugoslávia, e como país tem apenas 9 anos (se tornou independente da Sérvia em 2006).

A geografia é composta por montanhas altíssimas que, junto com o Mar Adriático, formam paisagens de tirar o fôlego. E as cidadezinhas medievais dão aquele toque especial.

A Baía de Kotor, tombada como patrimônio pela UNESCO, não pode ficar de fora do seu roteiro. Imagine um rio que foi tomado pela mar, formando algo parecido com um fiorde. A baía, junto com a própria cidade de Kotor, fortificada, é um dos lugares mais visitados de Montenegro (e com razão). Um vilarejo ao redor da baía que também vale uma passadinha é Perast, que apesar de ser muito pequenininho (~400 habitantes), tem 16 igrejas e 17 palácios. As duas ilhotinhas em frente a Perast também chamam a atenção de quem passa: Ilha de São Jorge e Ilha das Rochas.

Conheça também: Budva, a principal cidade de praia do país, mais agitada, com um jeeeito da croata Dubrovnik (a ilha Sveti Stefan, onde fica um dos melhores hotéis de Montenegro – Aman – também é lindíssima).

Acredito que Montenegro estará em alta em 2016 por oferecer experiências e visuais muito parecidos com os da tão falada Croácia (ou seja, FANTÁSTICOS!!), só que por muito menos $$$. Os preços são mais justos e as cidades MUITO mais vazias.

Um fato curioso: apesar do país não fazer parte da União Européia, a moeda oficial é o Euro.
  • Melhor época para ir: de maio a setembro (meses mais quentes no Hemisfério Norte).
  • Como chegar: vôos do Brasil para a capital de Montenegro, Podgorica (TGD), com apenas uma conexão na Europa (Alitalia e Turkish Airlines). O aeroporto de Tivat (TIV) fica mais próximo das cidades citadas aqui, mas recebe poucos vôos. Um jeito fácil de chegar é de carro, vindo da Croácia (fica a menos de 50km).
  • Sugestões de hotéis: Aman Sveti Stefan (Sv. Stefan / Budva) / Hotel Forza Mare e Hotel Casa del Mare – Amnfora (Kotor).
Cidade de Kotor e a Baía de Kotor, em Montenegro | foto: yomadic.com
O super hotel Aman Sveti Stefan, próximo a Budva – Montenegro | foto: aman.com

8. ALGARVE - Portugal | Europa

Algarve é a região que está no extremo sul de Portugal, banhada pelo Mar Mediterrâneo ao sul e pelo Oceano Atlântico a oeste. Apesar de ser famosíssima entre os europeus, o destino não é muito popular entre os brasileiros, mas tem tudo para ser. Além do clima ameno quase o ano todo, o visual é algo realmente impactante: falésias alaranjadas e praias douradas, contrastando com o mar verde e azul escuro. E ainda, à parte do litoral praiano, há vilarejos históricos, castelos e muito mais. Quem aprecia uma culinária de frutos do mar, vai se deliciar por lá (boa parte dos melhores restaurantes de Portugal estão em Algarve).

O ideal é escolher uma cidade para ser sua base. A mais recomendada é Lagos, que é super charmosa. Outras cidades para conhecer: Portimão, Albufeira, Sagres, Faro, Tavira

É nos arredores de Lagos e Portimão (uma fica muito próxima da outra) que ficam as praias mais icônicas da região (essas que vemos nas fotos de quando sai alguma matéria sobre Algarve): Praia do Camilo, Praia dos Três Irmãos, Praia Dona Ana e Praia da Marinha. Mas há dezeeenas de outras praias.

Um passeio de barco ou de kayak pelas cavernas e falésias não pode ficar de fora do roteiro!
Algarve esteve por mais de 500 anos sob o domínio de povos muçulmanos, e ainda é possível encontrar várias lembranças desse período.
  • Melhor época para ir: de maio a setembro (meses mais quentes no Hemisfério Norte). Em geral, chove muito pouco em Algarve. Evite ir em julho e agosto, quando está tudo bem lotado.
  • Como chegar: vôos para Faro (FAO) com uma conexão na Europa (TAP/Lisboa e Iberia/Madrid são as melhores opções). Ou você pode chegar de carro, vindo de Lisboa ou da Andaluzia, na Espanha.
  • Sugestões de hotéis: Bela Vista Relais & Chateaux (Portimão), Vila Vita Parc (Porches), Belmar Spa & Beach Resort (Lagos) e Yellow Lagos Meia Praia (Lagos).
Praia do Camilo – Lagos – Algarve – Portugal
Grutas de Benagil – Lagos – Algarve – Portugal | foto: Bruno Carlos para commons.wikimedia.org

E aí, qual dos 8 destinos você ficou com mais vontade de conhecer? Quero saber!! Me conte aqui abaixo no espaço para comentários!

Obrigada pela visita! E um 2016 cheeeio de viagens para todos nós!! \o/

Beijos,
Lala Rebelo



Lala Rebelo é autora do blog de viagens www.lalarebelo.com. Publicitária, brasileira de Cuiabá, já morou em São Paulo, na França, nos Estados Unidos, na Espanha, na Inglaterra e vive hoje no Panamá (quando não está viajando). Já esteve em quase 50 países (e espera que este número não pare de aumentar...). Seu objetivo é te contagiar com essa loucura chamada VIAGEM e te inspirar a pegar um avião ou a estrada para qualquer lugar.