quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Yesterday - Crítica



Imagine acordar num mundo onde os Beatles não existem? Não só eles, mas outros ícones da nossa cultura pop, como a Coca-Cola e muito mais. Esse é o cenário em que se encontra Jack Malik (Himesh Patel). Ele é um músico que durante um apagão global é atropelado por um ônibus e quando desperta, percebe que as pessoas nunca ouviram falar dos quatro rapazes de Liverpool. Então começa um sucesso estrondoso como se músicas como Yesterday, She Loves You, Let It Be e muitas outras fossem criação sua. Esse é o enredo de Yesterday, do diretor Danny Boyle, que está nos cinemas desde a semana passada.



Nos últimos dois anos, vimos vários filmes biográficos de cantores e bandas, sendo os mais famosos Bohemian Rhapsody, do Queen, e Rocketman, de Elton John. Temos em Yesterday mais uma produção musical, com obras que todo o público conhece e ama, mas no caso não é a história dos artistas, e sim exatamente o oposto, sobre um universo paralelo em que os Beatles não existiam.

A ideia é diferente e divertida, assim como o filme. Ele tem uma pegada Sessão da Tarde, no melhor sentido da palavra. Está sendo descrito como uma comédia romântica e "feel good movie", daqueles para você se sentir bem. Essa é a sensação que fica ao final de Yesterday, de coração quentinho e um excelente entretenimento. Pode até haver alguns momentos mais reflexivos, como o fato de toda ética e culpa de Jack por ser tratado como um gênio e como o fato de que é dito que um mundo sem os Beatles é um lugar pior, mas, de modo geral, é um enredo leve.



Himesh é carismático e tem charme. Uma boa escolha para o papel, ele mesmo canta e toca todas as músicas, o que dá um toque ainda mais legal. Mesmo nos seus momentos mais "diva" e incorreto, é possível gostar de Jack. Vai dizer que você não faria o mesmo? Mas não podemos deixar de citar Lily James, uma das minhas atrizes favoritas, com toda a sua doçura característica. Ellie é a melhor amiga, empresária e apaixonada por Jack desde sempre. Sempre que aparece brilha, com sua voz doce e sorriso fácil. A química entre eles é bem forte e real. Há ainda Kate McKinnon, hilária como a agente de Jack, e até mesmo Ed Sheeran, como ele mesmo, numa participação divertidíssima.

Yesterday é um filme muito bom, mas perde um pouquinho o ritmo quando foca muito no romance-não-romance de Jack e Ellie ao invés de ter como ponto principal a premissa do mundo sem os Beatles. Mas, não se preocupe, isso não faz com que o filme perca sua graça e charme.



O roteiro é de Richard Curtis, conhecido por Simplesmente Amor (um dos meus filmes preferidos da vida!), Questão de Tempo (que também amo de paixão), O Diário de Bridget Jones, Um Lugar Chamado Notting Hill e outros. Então toda a sua sensibilidade, delicadeza, romance e mesmo melancolia estão em Yesterday.

Danny Boyle, o diretor, brilha mais em outros tipos de trabalho. É só olhar a sua carreira, que conta com títulos como Quem Quer Ser Um Milionário - onde ganhou Oscar, Trainspotting, Steve Jobs, 127 Horas, Extermínio, A Praia e mais produções um tanto quanto pesadas e de temas pouquíssimo leves. Mas, faz um trabalho de direção bacana. Não espetacular, mas a altura do que o filme pede.



Yesterday não contou com a participação ativa de nenhum Beatle na produção, mas teve a benção de Paul McCartney e Ringo Starr. Um toque legal é o nome de vários personagens fazerem referência às músicas, como Ellie, de Eleanor Rigby, Rocky (Joel Fry), vem de Rocky Racoon, e Lucy, (Ellise Chappell) de, obviamente, Lucy in the Sky With Diamonds.

Yesterday é, antes de mais nada, uma homenagem aos Beatles e a toda sua genialidade.

Recomendo muito.

Teca Machado

2 comentários:

  1. Oi, Teca como vai? Que indicação bacana. Já de cara eu gostei, pois gosto de rock n'roll e os Beatles dispensa maiores comentários. Parece um filme divertido, embora se trate de uma homenagem à das maiores bandas de rock que existiu. Adorei a indicação e farei o possível para assistí-lo. Abraços!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. eu vi o trailer desse filme e achei a ideia dele super diferente e divertida mesmo! pena que acaba focando mt no romance, mas mesmo assim vou dar uma chance e assistir

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir