quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Assessoria de imprensa e 4 draminhas! – Projeto Drama Queen #104 – Por Carol Daixum


Trabalhar com assessoria de imprensa não é nada fácil, gente! Quando você consegue emplacar aquela pauta é uma maravilha, mas e quando se depara com jornalistas nada fofos? É um drama, que meu Deus! Dai, resolvi listar 4 draminhas muito comuns (bom, eu acho que são comuns, espero, hahaha) nessa doce e árdua área do jornalismo! ;-) 


1. Me manda por e-mail...

Não é sempre! Mas às vezes tenho impressão de que essa frase é usada só para dispensar a gente. Sério! Mando um trilhão de e-mails e nada. Tenho certeza que estou lotando a caixa de e-mail dele, mas por algum motivo, quando ligo pra confirmar, ele diz que o e-mail não está lá e repete essas quatro palavrinhas pela milésima vez. 

2. Transferindo a ligação... 

Olha, é um tal de transferir ligação. Quando você não tem o nome do jornalista então... Prepare para ficar durante muito tempo no telefone. Aí quando você consegue finalmente falar com a pessoa certa, o que acontece? Cai a ligação, óbvio! #ajeitaacoroa 

3. Me liga ano que vem... 

Tenho uma coleção de foras, gente. Mas esse foi o melhor. E olha que faltavam meses para acabar o ano. Eis que a produtora de moda me responde assim: "me liga ano que vem"... Ok, tudo nesse meio (editorial de moda e tal) é adiantado. Mas sabe, não tinha como... Faltava tipo... Um ano para chegar o "ano que vem".... 

4. Emplaquei, mas o crédito está errado... 

Aí você sai toda feliz da banca, com a pauta super mega emplacada. Mostra para sua chefe, cliente, jornaleiro e tal... Eis que um detalhe faz TODA A DIFERENÇA: sua cliente fica no Rio, mas o telefone saiu com o DDD de São Paulo... Então o que você faz? Senta e chora!

Gente! É só um draminha e com uma dose extra de exagero, ok? ;-) A profissão não é fácil, mas como todas têm seus prós e contras. E mais para frente, acho legal mostrar o lado do jornalista de redação também. Quem tiver sugestão, fique à vontade. E assessor de imprensa: pode desabafar também. ;p

Quando o crédito sai errado...

***

Vale lembrar que o Projeto Drama Queen é uma parceria entre os blogs Pequena Jornalista e Casos, Acasos e Livros. Toda quinta um draminha para rir, se identificar e tal. ;-) Quer mandar o seu relato? Coloque aí no comentário. 

Beijos, 
Carol

8 comentários :

  1. Olá Teca, tudo bem?
    Adorei saber mais sobre sua profissão.
    Concordo que toda profissão tem sua dificuldade mas o importante é fazer o que gostamos.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente!
      Nada é perfeito, nem a profissão mais maravilhosa do mundo.

      Beijooos

      Excluir
  2. Oi,

    Amei o post e seu blog é incrivel!


    Abraços...

    http://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. haha todo trabalho tem seus dramazinhos cliches né, curti esse ep drama queen e conhecer os dramas da area

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo e qualquer trabalho.
      Assim é a vida, hahaha.

      Beijooos

      Excluir
  4. Oi, Carol!!
    Tudo bem?

    Vida de assessora de imprensa não é fácil mesmo. E nem de jornalista de redação. O mercado de comunicação em si está cada vez mais difícil. É impossível conseguir fazer um follow bacana e ainda assim a cobrança está cada vez maior.

    Ao mesmo tempo você tem uma demanda cada vez maior nos veículos e uma equipe cada vez mais reduzida. Difícil mesmo.

    Mas como você disse todas as profissões tem os prós e os contras, né? Difícil virar adulta. HAHAHA

    Bjs

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você exemplificou todos os problemas da vida aí, hahaha.
      Assessoria é difícil, redação é pior ainda, a equipe é minúscula e a demanda gigante, assim como a pressão.
      Por que a gente escolheu essa profissão mesmo?
      Hahahaha

      Beijooos

      Excluir