sábado, 21 de janeiro de 2017

As Cordas Mágicas – A maravilhosa primeira leitura de 2017


Você sabe que o seu ano literário vai ser bom quando a primeira leitura de 2017 é uma das mais maravilhosas que você já fez na vida. #favoritei

Meu 2017 começou com o incrível As Cordas Mágicas, de Mitch Albom, que recebi em parceria com a Editora Arqueiro.

Livro recebido em parceria com a Editora Arqueiro (e veio com botton, playlist e palheta!)

As Cordas Mágicas acertou em vários aspectos: A narradora é a Música, o autor mistura fatos – e pessoas e cantores – reais com ficção, não há uma linearidade cronológica tão firme, o ritmo da narrativa é ideal e há um protagonista cheio de defeitos e qualidades com o qual nos importamos profundamente. Além disso, foi criada uma playlist com as músicas de sucesso do personagem principal. Sim, escreveram as canções do livro e gravaram com artistas reais! E posso dizer que ficaram deliciosas de escutar (Procure no Spotify a playlist The Magic Strings of Frankie Presto).

Na obra acompanhamos do início ao fim a vida de Frankie Presto, um espanhol que nasceu em plena guerra civil da década de 1930 e se transformou numa das maiores sensações musicais do século XX. As Cordas Mágicas começa com a Música, essa entidade e talento que é emprestada aos seres humanos quando eles nascem, explicando que Frankie agarrou uma grande porção dela quando veio ao mundo e se tornou um dos maiores músicos de todos os tempos. Assim, ela inicia a narração no seu funeral e aos poucos volta para o seu nascimento e segue seus dias.

Mitch Albom
Frankie Presto foi um sofredor. Logo ao nascer as tragédias já começaram, pois a guerra na Espanha estava em seu auge. Então, com o passar dos anos, o garoto vai se agarrando cada vez mais a música, até que consegue ser pupilo de um professor cego, que transforma a vida do menino até o fim dos seus dias. E é ele que, sem saber, dá a Frankie cordas mágicas. Todas as vezes que ele as toca de todo o coração, ficam azuis e mudam a vida de alguém.

Seu talento é digno de nota e ainda criança Frankie foge para os Estados Unidos, onde acaba alcançando o estrelado mundial. Mas a música, apesar de maravilhosa, pode se tornar um fardo quando a carreira e o sucesso ficam acima da verdadeira vocação.

Mitch Albom colocou na narradora Música toda delicadeza e força que o talento precisava. Ela é poética, doce, mas ao mesmo tempo implacável. A história em si já seria incrível sem a narração, mas essa “personagem” transformou o enredo em algo muito mais significativo e interessante. Além de ela contar a história, entre os capítulos há depoimentos de pessoas que conheceram Frankie e contam casos a seu respeito. Há nomes conhecidos de verdade, como Tony Bennet, Burt Bacharat, Ingrid Michaelson e Paul Stanley, músico do Kiss. E, melhor ainda, Mitch Albom tem um canal no Youtube (veja aqui) chamado “Who is Frankie Presto?” onde os artistas realmente deram depoimentos em vídeo sobre o misterioso Frankie. Um autor que consegue isso para a divulgação do seu livro não pode ser algo menos do que incrível, né?



Durante toda leitura meu coração ficava pequenininho e apertado por cada sofrimento de Frankie, assim como ficava feliz a cada conquista. Geralmente livros que contam a história de uma vida inteira tendem a ficar maçantes em certo momento, mas As Cordas Mágicas não. As reviravoltas te deixam de boca aberta. Foi ótimo do início ao fim e Frankie Presto se tornou um dos meus personagens preferidos, assim como a Música. Ele fingiu ser Elvis, foi numa festa com os Beatles, fez uma aparição secreta em Woodstock, ajudou tropas no Vietnã e muito mais. Sua vida foi tudo, menos monótona


O grande tcham do livro é o poder de transformação da música e como ela pode alterar a vida de quem canta/toca e de quem escuta. Durante a leitura me senti numa grande aula sobre a história da música e foi delicioso de acompanhar.

Agora deixa eu ir porque preciso escutar a minha dose diária das músicas de Frankie Presto!

Recomendo de todo o meu coração.

Teca Machado


23 comentários :

  1. Oi, Teca!!!

    Adorei sua resenha!!! A Iza ficou tão emocionada quanto você com a leitura e já pedi o livro emprestado. Hahahaha

    Tenho certeza que vou amar essa história que parece ser tão bonita!!!

    Agora, esse autor é sensacional por conseguir todos esses depoimentos, né? AMEI! Achei incrível de verdade. O tipo de história que poderia virar filme...

    Bjs!!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, é muito impossível não se emocionar.
      A história do Frankie é muito incrível.
      Te conhecendo, sei que vai amar.
      Com certeza já quero filmeeeeeeeeeee!

      Beijooos

      Excluir
  2. Oi, Teca ^^
    Nossa,te confesso que não tinha parado para ler uma resenha dessa obra ainda, só sabia que a capa não havia me chamado atenção e nem a sinopse, mas depois da sua resenha vou ter que reformular a minha opinião e ficar do desejo para um dia poder ler esse livro. <3
    Amo histórias que contam do início ao fim a trajetória de um personagem, principalmente se eles são sofredores porque traz uma sensação maior de superação e conseguem tocar lá no fundo das nossas almas.
    Me pergunto como é a Música, ela é semelhante a Morte de A MENINA QUE ROUBAVA LIVROS?
    E que ideia fantástica do autor de mandar compor as canções!!! Definitivamente a publicidade dele foi 100% frutífera.
    Parabéns pela resenha e por me abrir os olhos que estavam na intolerância a cerca dessa obra, Teca. ^^
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruno!
      Aaaah, não se engane pela capa e pela sinopse simples.
      Esse livro é tão mais profundo do que aparenta.
      Sabe que eu pensei exatamente na Morte? Você acertou.
      As músicas são incríveis. Mesmo quem não leu, vai adorar todas elas.
      :D

      Beijooos

      Excluir
  3. Olá lindona, amei o livro só de saber que ele mostra que a música ajuda e transforma as pessoas.
    Amei.
    Super beijo.

    meumundosecreto

    ResponderExcluir
  4. Oi, Teca

    Acho que a maioria dos blogueiros parceiros da editora não deu muita atenção para esse lançamento, pois essa é a primeira resenha que leio desse livro. Achei interessantíssimo o fato da música ser a narradora e do Frankie ter passado por tantos acontecimentos reais e por ter conhecido tantas pessoas reais. Gosto dessa mistura de ficção com a realidade, costuma render boas leituras para mim. Estou fazendo uma nota mental para ouvir a playlist depois.

    Beijos
    - Tami
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tamires, esse livro precisa e merece toda a atenção possível!
      É tão lindoooooo!
      Essa mistura do real e ficcional é incrível, você vai adorar.

      Beijooos

      Excluir
  5. Olá, tudo bem?
    Não conhecia esse livro, sempre gosto de conhecer outros lanamentos. Achei bem interessante o livro e com uma temática diferente.
    Beijos
    http://amandastale.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amanda, é diferente, é lindo e é interessante.
      Recomendo muito!

      Beijooos

      Excluir
  6. Olá Teca, tudo bem?
    Não conhecia o livro, mas com certeza teria comprado só pela capa. Hahaha
    Fico feliz em saber que a história é melhor ainda.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esther, ele é ainda mais do que a capa mostra!
      <3
      Você vai amaaaaaar!

      Beijooos

      Excluir
  7. Teca!
    Frank Preston parece uma figura real, não um personagem fictício.
    O livro deve ser ótimo, acompanhar a vida regada a música até sua morte.
    Obrigada pela visita feita ao blog.
    Semaninha De muita luz e paz!
    “Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância.” (Sócrates)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rudynalva, eu tinha certeza em certos momentos que eu lia sobre uma pessoa real.
      É incrível!

      Beijooos

      Excluir
  8. adorei a temática desse livro, com toda certeza vou conferir as músicas no spotify.
    gosto quando os autores são ousados e nos presentei com obras mega interessantes como essa. vou comprar adorei a resenha beijos

    Taynara Mello
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confira, aí você vai se apaixonar ainda mais e vai querer ler.
      <3

      Beijoooos

      Excluir
  9. Oi, Tequinha! É a Mah Silveira
    Ganhei As Cordas Mágicas de aniversário, por indicação sua.
    Quero agradecer porque a leitura foi linda, li em menos de dois dias (viva as férias, kkk)
    Como você disse, adorei a vida do Frankie do início ao fim, mesmo que tenha sofrido junto com ele.

    Beijos,

    Mah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mah, fico tão feliz que você tenha gostado!
      <3
      Eu também li tão rápido que nem via o tempo passar.
      Sofri demaaaaaaaaais com ele!

      Beijoos

      Excluir
  10. Já queroooooooooooo!
    Já quero e quero muito!
    Desde que vi a foto no seu instagram, fiquei apaixonada pela sinopse e pela capa.
    Como eu amo música, tenho certeza que vai ser uma viagem essa leitura.

    Beijos, Meg's Army

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você quer, porque seria um pecado não querer, haha.

      Beijooos

      Excluir
  11. Tecaaaaaaaaaaaaaa
    quero quero quero quero quero quero quero!!!!!!!!!!!!!!!
    Eu sempre fui muito musical, principalmente com piano. Então tenho certeza que vou amar. Além disso, você não para de falar desse livro há semana, hehehe.

    Beijoooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ué, porque não saiu meu nome?
      É a Nana Pitaluga

      Excluir
    2. Nanaaaaa, eu não paro de falar dele porque ele é maravilhoso.
      Simples assim.
      Hahahaha

      Beijooos

      Excluir