sexta-feira, 7 de junho de 2019

The Chase - Resenha


A série de livros Amores Improváveis, de Elle Kenney, faz sucesso há um tempinho. Apesar de ter lido várias resenhas sobre ela – e inclusive ter me interessado – acabei não lendo ainda. Mas a Editora Paralela (Companhia das Letras) lançou também há pouco tempo o spin-off da saga chamado Briar U, cujo primeiro livro é The Chase – A busca de Summer e Fitz, que recebi e devorei em poucos dias.

Foto @casosacasoselivros

Mesmo não tendo lido os anteriores, The Chase é fechado em si mesmo e não é preciso ler os outros para entender o contexto. Há personagens antigos, mas eles apenas fazem participações especiais. Claro que seria muito melhor ter lido tudo, mas não é impedimento.

Em The Chase – A busca de Summer e Fitz conhecemos, como o título já diz, esses dois protagonistas. Mais diferentes impossível. Colin Fitzgerald é um jogador de hóquei grandão, todo tatuado, cuja aparência intimida as pessoas, mas, na verdade é um doce. Sua paixão é desenhar e programar videogames, que é algo que estuda na faculdade, e gosta de se manter discreto, quase invisível. Já Summer atrai atenção onde vai. Linda, loira, rica e carismática, as pessoas orbitam ao seu redor. Mas, apesar de tudo isso, tem TDAH, se sente burra, tem crises de ansiedade e foi expulsa da Brown. Esse é inclusive o motivo pelo qual foi parar na Briar U, universidade que a aceitou após o fiasco na escola anterior. Sem ter onde morar, acaba indo para a casa onde Fitz e mais dois outros amigos do seu irmão Dean (protagonista de Amores Improváveis) vivem. Summer e Fitz desde o momento em que se conhecem sentem uma atração inegável, mas como conseguirão passar por cima das diferenças para se acertarem?

Elle Kennedy
A escrita de Elle Kennedy é fluida, rápida e quando você percebe já leu várias páginas. O enredo não é inovador, temos aqui um casal totalmente oposto que se atrai e até um triângulo amoroso, mas a maneira como a autora construiu toda a história é uma delícia de acompanhar, por mais que em muitos momentos queria pegar Summer e Fitz pela mão e dar um tapão em cada um para ver se acordavam.

Um ponto muito bacana de The Chase é o TDAH de Summer. Vi muita gente reclamando da protagonista, que é incoerente, que muda de opinião muito rápido e que é leviana. Mas acredito que essas sejam algumas das características da condição, já que a pessoa tem uma dificuldade imensa de se concentrar. Além disso, há a reclamação que ela choraminga que Fitz a chama de fútil quando em vários momentos ela se derrete pela Prada. Bom, não acho que há problema nenhum em gostar de coisas caras e boas e ainda conseguir ter conteúdo, caso de Summer. No fim das contas, eu gostei bastante da personagem e da sua jornada. Ao mesmo tempo que achei o Fitz uma coisinha delícia. Lindo, inteligente e leal, queria para mim. #perigueteliterária

Há personagens secundários ótimos, como Hunter, que faz parte do triângulo amoroso principal e pelo que pude sentir vai ganhar um livro para si mais para frente na série, e Hollis, o terceiro colega de apartamento deles, que é engraçado daquele jeito meio babaca. Mas a minha preferida, sem sombra de dúvidas é Brenda, amiga de Summer e filha do técnico de hóquei. Totalmente badass, sarcástica e que se discute o esporte com um cara com o dobro do seu tamanho, com certeza ganha. E ainda há a Selena Gomez. Calma, ela não aparece realmente no livro, mas ela é a voz interior de Summer e elas conversam o tempo todo em ótimos diálogos.

Há alguns temas importantes, ainda que não profundos, como o assédio sexual, principalmente da relação professor-aluno. Poderia ser algo com maior destaque, mas imagino que por não ser o foco do livro, a autora não deu tanta ênfase.

Próximo livro da série Briar U, com Brenda como protagonitsa

The Chase tem várias cenas bem calientes e quando finalmente – FINALMENTE – esses dois teimosos se acertam, prepare o ventilador, porque vai ficar bem quente. Mas o bacana é que Elle Kennedy não exagera na quantidade de cenas eróticas. Elas acrescentam à história, não estão lá só por estar.

Já podemos esperar o próximo volume de Briar U, chamado The Risk, que vai ser sobre Brenda e Jake, um jogador de hóquei do time de Harvard, inimigos de Briar, que já aparece um pouco em The Chase.


Recomendo muito.

Teca Machado


6 comentários:

  1. "#perigueteliterária" HAHAHAHA. Adorei a indicação desse livro e, sinceramente, faz teeempo desde que li alguma resenha que me deixou tão instigada pra realizar uma leitura quanto essa! Acho que eu ia curtir muito os personagens e adorei que até a Selena dá as caras na história de um jeitinho diferente hahaha

    Um beijão,
    Gabs | likegabs.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabi do céu, eu sou muito periguete literária!
      Hahahaha
      Acho que você pode gostar da leitura. Eu gostei demais!

      Beijooos

      Excluir
  2. Oi Teca, tudo bem? Eu gostei bastante do livro e principalmente da personalidade da Summer, o Colin às vezes me deu raiva rsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Adorei as diversas temáticas que a obra consegue abordar, passeando por temas tão importantes como abusos nas suas várias vertentes. Que resenha maravilhosa, Te!

    semquases.com

    ResponderExcluir
  4. Que legal saber que esse livro trata de temáticas importas. Não conhecia a série, nem o spinoff.

    https://naoseavexe.blogspot.com

    ResponderExcluir