quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Seguindo os Fatos - Crítica


Duvido – mas duvido mesmo – que você não conheça o BuzzFeed. Esse portal de notícias que cresceu no mundo inteiro e fala sobre os mais variados temas, como histórias bizarras que bombaram no Twitter, testes de “monte suas férias dos sonhos e diremos que tipo de pessoa você é” e matérias políticas e filosóficas. Ou seja: mais eclético impossível. E agora está ganhando um espacinho na Netflix, com os minidocumentários Seguindo os Fatos, que segundo eles próprios, explora cultura, política e os cantos esquisitos da internet.


Claro que em se falando do portal, não podemos esperar algo pesado ou denso demais. Acho que mais do que documentários, podemos chamar de reportagens mais extensas. São episódios de cerca de 18 minutos sobre temas diferentões e polêmicos. Acompanhamos o jornalista designado seguindo realmente os fatos, para mostrar ao público de forma franca e sem preconceito assuntos no mínimo surpreendentes. Ele conversa com seus editores, dialoga com o público e é algo tão próximo do espectador que a gente se sente ali com ele. E por mais que o BuzzFeed geralmente tenha uma linha engraçadinha, irônica e que adora memes, nessa série eles mantém a seriedade e um viés mais jornalístico.


Nessa primeira parte, com sete episódios disponíveis, somos apresentados a alguns assuntos super interessantes. No primeiro deles já damos de cara com algo que eu mesma nunca tinha ouvido falar: ASMR, que são vídeos muito famosos de efeitos sonoros que teoricamente relaxam as pessoas, principalmente sussurros. Existe um mundo gigante que gira em torno disso e a gente nem sabe. Só sei que eu me senti como a jornalista responsável pela matéria, agoniada e sem saber como reagir a isso, rindo de nervoso.

Há ainda episódios dedicados aos intersexo, que são as pessoas antes conhecidas como hermafroditas, aos sobrevivencialistas negros, grupo que se prepara para o fim do mundo e catástrofes, aos direitos masculinos, homens que se sentem subjugados pelas feministas, às prostitutas e outros. Um que assisti e me deixou com sentimento de medo foi sobre conteúdos falsos, que mostram como hoje é possível manipular também imagens em vídeo de forma tão perfeita que não sabemos mais o que é real ou não.



Não somos os mesmos de antes e depois de assistir Seguindo os Fatos. Você vai se sentir incomodado e cutucado, mas o seu universo vai se expandir e vai saber mais sobre um assunto do qual você nunca parou para pensar muito antes ou nem sabia da existência.

Recomendo.

Teca Machado

P.S.: Eu ainda não consegui superar o ASMR e achei muito bizarro a mulher lambendo o microfone, hahahaha.

2 comentários:

  1. Ainda não tinha visto acredita? Achei super interessante, já quero assistir.

    Beijos
    Mari Dahrug
    GXAL44

    ResponderExcluir
  2. Oiii Teca

    Esse de manipular imagens me deixa com medo também, quanta notica falsa por aí, principalmente em época de eleições. Esse dos sobrevivencialistas me deixou super curiosa!!! Quero saber mais sobre o programa.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir