segunda-feira, 5 de maio de 2014

Entre amores e vilões - O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro


De queixo caído. Foi assim que eu saí da sessão de O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro, do diretor Marc Webb. O final é o que podemos chamar de apoteótico, inesperado e surpreendente. Tem 24 horas que eu assisti e ainda estou pensando nisso. Mas posso dizer que é um filme excelente e um ótimo capítulo dois de uma franquia bem melhor do que a do primeiro Peter Parker com o chatão do Tobey Maguire. Não acredito que ainda vamos ter que esperar até 2016 para saber como continua. 


Em O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro, encontramos Peter Parker (Andrew Garfield) logo após o desfecho do primeiro filme. Como prometeu ao pai da namorada Gwen Stacy (Emma Stone) que se afastaria dela, o protagonista vive um dilema cheio de peso na consciência: fica com a namorada por quem é loucamente apaixonado ou se distancia dela para que fique segura dos vilões que rodeiam a vida dos super-heróis?

Peter e Gwen

Enquanto fica nessa dúvida, NY outra vez é ameaçada. Dessa vez por Electro (Jamie Foxx) formado por energia pura, que quer o sangue do Homem-Aranha, assim como Harry Osborn (Dane DeHaan), herdeiro da Oscorp e melhor amigo de Peter Parker. E ainda tem um terceiro vilão, Rino (Paul Giamatti), que aparece pouquinho e não tem muita importância, mas que dá a entender os rumos vilanísticos do próximo filme (Andrew Garfield assinou contrato para mais dois).

Electro

Misturando drama (Porque a vida de Peter é uma tragédia sem fim), revelações, conspirações, lutas e amores, O Espetacular Homem-Aranha 2 junta 2h30 frenéticas de filme. É um roteiro mais maduro do que o primeiro (Apesar de focar no relacionamento do casal e às vezes parecer mais um romance do que ação) e obriga o protagonista a crescer da forma mais difícil possível. 

Homem-Aranha e Electro

O ponto alto de O Espetacular Homem-Aranha 2 é o elenco. Andrew Garfield é a escolha perfeita. Apesar da vida sofrida do personagem, ele não é um bobão com cara de choro o tempo todo como seu predecessor Tobey Maguire (Já falei para vocês que eu não suporto ele, né?). Além de ser uma gracinha, o ator deu um toque divertido ao personagem, com os diálogos rápidos e irônicos que tem com Emma Stone. Por falar nela, sabia que eles namoram na vida real? Por isso a química deles em cena é tão intensa e bonita. Eu simplesmente adoro a Emma Stone, como já disse várias vezes. Ela é uma excelente atriz, muito expressiva e a nova queridinha de Hollywood. De comédia a drama, ela é totalmente versátil.

Peter e Harry

Não podemos esquecer de Dane DeHaan, uma versão mais nova do Leonardo DiCaprio com um corte de cabelo terrível. Semi desconhecido, o ator rouba a cena, principalmente com o passar do filme quando ele vai enlouquecendo e se torna o mais famoso dos vilões da franquia: o Duende Verde. Jamie Foxx é sempre ótimo, não tem como reclamar dele. Só uma coisa eu não entendi. Quando ganha os seus poderes, o Electro também magicamente conserta os dentes e cria um uniforme no melhor estilo X Men?

A nova versão do Duende Verde

Muitas resenhas têm dito que O Espetacular Homem-Aranha 2 peca na quantidade exagerada de efeitos especiais. Sim, tem muitos, mas isso não chegou a me incomodar. Já vi outras produções com muito mais. Mas ninguém pode dizer que eles não são impecáveis. É um filme muito bem feito.

Assim como o próprio nome já dizer, é espetacular na medida que um filme de heróis pode ser. 

Recomendo muito. 

Teca Machado


Nenhum comentário:

Postar um comentário