sexta-feira, 2 de maio de 2014

Wat Pho – o templo do Buda Reclinado - Por Iara Vilela



Oi pessoal, tudo bem?

Hoje tem mais um post sobre a Tailândia, lugar que visitei e estou completamente apaixonada! O turismo cresce a cada ano no sudeste asiático e cada vez mais brasileiros escolhem essa região para passar as férias.

O destino desse post é o Wat Pho – o templo do Buda Reclinado - que é uma das principais atrações de Bangkok. Este templo está entre os mais visitados – seja por turistas ou budistas – e abriga uma escultura de Buda  folheada a ouro com 46 metros de comprimento por 15 de altura.

Fomos durante as celebrações de Ano Novo, que para os budistas duram três dias. Então, o templo que normalmente já é bem cheio, estava abarrotado de gente (mas nada que tenha atrapalhado muito).

Para conhecer o Wat Pho, é preciso pagar 100 Bahts por pessoa (algo como R$7,00). Com o ingresso você pode passar o dia todo no templo e ganha duas garrafinhas de água. Este é um detalhe importante já que fomos no inverno e pegamos um “frio” de 31C (Tipo o inverno Cuiabano)!

Outro detalhe que não posso deixar de falar é o cuidado com o tipo de roupa para entrar nos templos. Já falei disso por aqui: nada curto, mini ou transparente.

MOEDINHAS PARA DAR SORTE

Depois que você percorre os quase 50 metros de comprimento do Buda, nas costas da escultura ficam 108 potes de bronze. Um monge me explicou que a crença é de que deve-se jogar moedas em cada um dos potes para atrair sorte. É claro que lá fomos nós jogar moedinhas, até porque sorte não faz mal à ninguém (especialmente para quem tem um blog sobre furadas o.O).


Aí você me pergunta: “Mas Iara, vou sair por aí com mais de 100 moedas na bolsa?”. E eu te respondo: claro que não.

Por todos os templos você sempre vai encontrar algumas coisas do tipo: jogar moedas, colar notas, comprar sinos para pendurar e tudo isso para atrair sorte. Na verdade foi um jeito que arrumaram para conseguir um pouco mais de dinheiro para ajudar na manutenção dos templos. Algo que não vejo do forma negativa já que doa quem quiser, ninguém fica pedindo ou insistindo.

No caso do Wat Pho, se você não tiver 108 moedas na carteira não tem problema. Logo atrás da imagem existe uma espécie de posto de troca. Você doa 20 Baht e recebe uma cumbuca cheia de moedas.

Geralmente, a maioria dos turistas vai embora logo depois de ver a escultura, mas o Wat Pho possui um terreno bem grande que abriga bem mais do que o Buda gigante. Por lá é’possível ver dezenas de pagodas de todos os tamanhos, além de salas de oração com paredes repletas de imagens.


#Wanderlust

Iara Vilela é jornalista e como boa wanderluster, ama viajar e já conhece mais de 50 cidades em 11 países. Ela também gosta de chocolate, esmaltes, cervejas especiais, tulipas, moda e é dona de um São Bernardo e de um Golden Retriever. Pseudo-nerd que é, adora toda a obra de J.R.R. Tolkien e Isaac Asimov, além de ter paixão por festivais de música! Entre uma viagem e outra, ela escreve para este lindo blog e também para o"Com Erros Aprendi", que conta furadas e erros de navegação em muitas de suas viagens pelo mundo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário