sábado, 3 de janeiro de 2015

Um Caso Perdido – Um dos livros mais incríveis do meu 2014


Hey, esse é o post número 800!

Posso dizer que li muita coisa boa em 2014. Um dos melhores livros foi o penúltimo: Um Caso Perdido, de Colleen Hoover, da série Hopeless. Minhas expectativas em relação a ele não eram muito altas. A sinopse não me prendeu tanto, mas eu dei uma chance a ele. E, UAU, foi muito surpreendente. But, don’t worry, não vou dar spoilers nessa resenha.


Mind blowing é uma forma de descrevê-lo. Você lê até a metade tendo a certeza que é mais um Young Adult com um romance intenso, um mocinho problemático, uma protagonista guerreira e eles precisam acertar as diferenças para serem felizes. Só que não é tão simples. A autora nos dá um tapa na cara, mostrando que a raiz do problema do casal, tanto de forma individual quanto de relacionamento é muito mais profunda, mais dolorida, mais intensa. 

O tema abordado por Colleen Hoover  é polêmico e extremamente delicado, mas ela o trata da forma mais sensível possível, ao mesmo tempo que de maneira real. Não é um simples beijo ou abraço que vai deixar tudo bem, ela sabe que a cura psicológica, muito mais do que a física, demora e deixa claro que às vezes ela nem mesmo vem. A carga emocional desse livro é pesada, você se compadece profundamente dos personagens e torce desesperadamente por um final feliz.

Em Um Caso Perdido temos a história narrada por Sky, uma adolescente de 17 anos não muito comum. Sua mãe adotiva, uma vegetariana totalmente anti-tecnologia, fez com que a garota estudasse em casa durante a vida toda, nunca tivesse um celular e nem mesmo um e-mail. Mas nem por isso Sky deixou de ter certa fama, pois sempre se envolveu com vários garotos.

Colleen Hoover
Quando chega ao último ano de estudos, com a ajuda da melhor amiga e vizinha Six, Sky insiste que é hora de experimentar o terrível mundo do high school americano. Lá, é óbvio, encontra as picuinhas, maldades, fofocas e bullying, até aí normal. Então conhece Holder, um bad boy que tem uma reputação tão ruim quanto a sua. Logo na primeira vez que se veem há uma sinergia e química entre eles quase inexplicável. É uma paixão avassaladora e sexy. E bota sexy nisso (Calma, nem de longe um soft porn ou 50 Tons de Cinza, é só extremamente “ui”).

Mas a presença de Holder na vida de Sky pode trazer a tona dores e sentimentos enterrados tão profundamente que nem ao menos ela sabia que estavam lá. E o mesmo ela faz a ele. Ambos, de maneira diferente, mas interligada, sabem o que é a solidão, a insuficiência, a sensação de nada nunca ser o bastante. Tem drama em Um Caso Perdido? Tem, sim, senhor. Mas na medida certa.

Sky é uma personagem para amar. Mesmo em um momento difícil, ela não fica de mimimi. Junta seus trapos e vai em frente. E quando não consegue fazer isso, tem Holder para lhe dar a força necessária. É uma menina bem ponderada para a sua idade. E Holder – AH, HOLDER! - eu te amo. Muito. Demais. Casa comigo. Te quiero. Gostoso. Ok, parei. Enfim, ele não é de todo bonzinho, tem sim o bad boy dentro dele, mas sabe quando ser bom, quando ser engraçado, quando ser doce e quando ser a força necessária para Sky.

A leitura voa, flui e, quando você percebe, acabou. Agora entendo porque todo mundo ama Colleen Hoover. Quero muito ler os outros livros da série Hopeless (Que tem um nome extremamente bem pensado e inteligente quando você descobre o porquê). Felizmente em fevereiro será lançado Losing Hope e logo depois Finding Cinderella. Em Losing Hope veremos a história de Holder. Tem o ponto de vista do rapaz sobre os acontecimentos do primeiro livro, mas também como ele era antes de encontrar Sky. E o terceiro volume será sobre Six, a amiga de Sky. Outra série da autora que quero ler é a Slammed, que dizem ser maravilhosa.


Recomendo DE VERDADE, ACHO MELHOR VOCÊ LER.

Quer esse livro simplesmente incrível? Compre aqui na Livraria Janina.

Teca Machado

16 comentários:

  1. Adoro quando autores vão além do óbvio, explorando ainda mais a fundo seus personagens.
    Excelente resenha.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de janeiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E nesse livro isso acontece muito. É incrível!

      Beijoooos

      Excluir
  2. Oi Teca! Como não ficar morrendo de vontade de ler o livro depois dessa resenha? (Impossível rss)
    "ambos, de maneira diferente, mas interligada, sabem o que é a solidão, a insuficiência, a sensação de nada nunca ser o bastante. " essa sua descrição me conquistou... rss e fez minha lista de livros desejados crescer!

    bjs

    http://joandersonoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Que bom.
      Era essa a intenção, hehe.
      Espero que leia e goste.

      Beijooos

      Excluir
  3. Realmente depois que eu li esse post fiquei até com vontade de ler o livro! Amei amei!

    http://newsdayoff.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que booom!
      É realmente incrível o livro.

      Beijooos

      Excluir
  4. Eu também não tinha nem um pouco de esperança, nem a sinopse me atraiu, e daí quando também arrisquei, me arrependi por não ter lido antes. É maravilhoso! Uma história pesada, mas no nível certo, completamente envolvente

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem post novo no blog de "A Lista de Brett", vem conferir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, parece que não é nada de mais, mas é profundo!

      Beijoooos

      Excluir
  5. Quero muito ler esse livro e depois de conhecer um pouco mais do livro minha vontade aumentou.

    Beijos!
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia, você não vai se arrepender.
      :)

      Beijoooos

      Excluir
  6. Li Hopeless sem conhecer nada da Colleen e todo mundo me dizia que o outro livro dela era MUITO bom e que com certeza esse seria bom também, eu não tinha grandes expectativas, assim como você e ainda bem, me surpreendi também! Não sabia a data do lançamento do segundo livro! Agora esperarei ansiosa para ler a continuação ;}

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felizmente fevereiro está quase aí.
      Quero ler a outra série também. A Métrica, né?

      Beijooos

      Excluir
  7. Nossa.. esse livro parece incrível!
    Já estou morrendo de vontade de ler! ^^
    Vai pra minha wishlist...
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mone, é muito incrível.
      Você passa o livro todo achando uma coisa e é outra.

      Beijoooos

      Excluir
  8. Oi Teca

    Você não tem noção da quantidade de resenhas positivas eu já li desse livro. Todas as vezes que vejo uma nova parece que tem uma seta bem grande e vermelha no meu Kobo dizendo pra eu começar a ler Um caso perdido agora.
    Eu estou receosa, confesso. Minhad expectativas são as mais altas possíveis e estou com medo da decepção. Passei 2014 todo protelando essa leitura, mas já decidi que lerei ele ainda nesse primeiro semestre. Espero que seja uma excelente experiência.

    Beijos
    mundo-de-papel1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É ruim quando a gente coloca bastante expectativa, né? Vai que não é tão bom assim.
      Mas acredito que você vai gostar.
      Vai sem medo, Caline!
      :D

      Beijoooos

      Excluir