quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

A Geografia De Nós Dois - Resenha


Há alguns anos comecei a ler A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista, da Jennifer E. Smith, à tarde e terminei à noite, de tanto que gostei. Foi uma leitura fofa, divertida, bonitinha que me encantou, por isso desde então compro os livros da autora, publicados no Brasil pela Galera Record, sem nem ao menos me preocupar se gostei da sinopse ou não. E esse foi o caso do livro A Geografia De Nós Dois.

Fotos instagram @casosacasoselivros

Lucy mora num luxuoso prédio em Nova York, no vigésimo quarto andar, e Owen no subsolo, já que seu pai é o administrador do edifício, mas não se conhecem. Num dia particularmente quente em Manhattan acontece um apagão e os dois se veem presos no elevador. Depois que são resgatados passam o resto do dia juntos, entre sorvetes distribuídos de graça, lances de escada, festas nas ruas sem energia elétrica e terraços olhando as estrelas. No manhã seguinte cada um segue seu caminho, não em NY, pois a vida leva os dois jovens a lados opostos dos oceanos. Por meio de poucos e-mails e vários cartões postais, Lucy e Owen descobrem que mesmo longe fisicamente não conseguem esquecer as deliciosas horas do blecaute.

A Geografia De Nós Dois foi uma leitura muito bonitinha, ainda que A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista seja o meu preferido. A autora alterna os pontos de vistas e somos apresentados à realidade, medos, inseguranças e alegrias tanto de Lucy quanto de Owen, o que deixou a história mais rica, até porque eles passaram o livro quase todo separados, com comunicação escassa, e seria impossível um saber o que o outro estava vivendo.

Jennifer E. Smith
Tanto Lucy quanto Owen vão amadurecendo durante as páginas, já que a vida dos dois vira de ponta cabeça e eles precisam se adaptar a novas realidades, tanto familiares quanto de moradia. Ao mesmo tempo que o leitor torce pelo casalzinho que se viu poucas vezes, também fica com vontade de dar umas boas sacudidas neles. Tem hora que tudo o que eu queria fazer era falar “vem cá, meu bem, deixa eu explicar para você sobre como as coisas são”.

Claro que o amor entre o casal é parte importantíssima do livro, mas enxergo muito mais como foco o crescimento de cada um, assim como a relação familiar deles. Lucy, apesar de ter 16 anos, praticamente mora sozinha. Os pais viajam muito, os irmãos já foram para a faculdade, e ela passa muitos dos seus dias solitária, até que os pais se mudam e a levam com eles. Há muito amor ali, mas falta de comunicação, daí vem um relacionamento truncado, cheio de altos e baixos. Já Owen acabou de perder a mãe e com isso o pai ficou sem rumo. Enquanto ele tenta se recuperar do baque, o garoto pega a responsabilidade de tentar manter as coisas estáveis. Tanto Lucy quanto Owen passam a conhecer melhor os pais, a si próprios e a entender que a distância pode ser necessária para crescerem.

É uma história simples, sem grandes reviravoltas, mistérios ou um romance trágico, mas é escrito com delicadeza, sensibilidade e muito amor. A Geografia De Nós Dois foi uma leitura Young Adult que me deixou suspirando, ainda que por vezes angustiada (poxa, vida, precisa ser tão maldosa assim de vez em quando?), mas que aqueceu o coração.

Veja aqui as resenhas de outros livros de Jennifer E. Smith:

Recomendo.

Teca Machado

5 comentários:

  1. Oi, Teca!
    Eu só li A Probabilidade Estatística.. e amei demais!! Esse eu quero ler também, mas fiquei com um pé atrás porque algumas pessoas não curtiram.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da Folia Literária 2018: cinco kits, cinco sortudos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É fofo, néééé?
      Você vai gostar desse também.
      :)

      Beijooos

      Excluir
  2. Oi Teca, eu nunca li nada da autora, mas tenho amigas que amam. Eu gosto de histórias simples que encantam, tenho certeza que vou curtir a leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Oi Teca,

    Gosto de histórias assim mais simples e tranquila. Ainda não conferi as histórias da autora, mas tenho certa curiosidade.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A autora é uma gracinha!
      Vale a pena, viu?

      Beijoos

      Excluir