sexta-feira, 1 de maio de 2015

Os Vingadores 2: A Era de Ultron – Marvel, te amo!


Sempre que assisto algum filme de super-herói, principalmente se é de um grupo deles, “viajo” escolhendo qual dos poderes eu gostaria de ter. “Seria legal ler mentes. Mas se bem que regenerar como o Wolverine é melhor. Eu ia adorar poder manipular o clima: sol sempre que for à praia. Hum, a inteligência do Homem de Ferro e seus trajes não são nada mal também...” e assim vão as minhas divagações. Então, depois de assistir Os Vingadores 2: A Era de Ultron, é o que está passando pela minha cabeça. 


Posso descrever o filme da Marvel como fantástico. Sou suspeita para falar, amo esse universo, seus personagens, a correria, o humor nas cenas de ação, os atores, aquele pezinho no mundo nerd. Assistindo Os Vingadores: A Era de Ultron, do diretor Joss Whedon, eu quase quicava na cadeira de animação. O filme me deixou sem fôlego, apreensiva. Me envolveu de um tanto que eu ficava pensando “ó, não, o que eles vão fazer agora para salvar o mundo?”.

"E agora, quem poderá nos defender?"

Loki (Tom Hiddleston), apesar de ser o melhor vilão ever (Loki, te amo!), não é nada maníaco se comparado a Ultron (Voz de James Spade). Criado por Tony Stark (Robert Downey Jr.), com a ajuda de Bruce Banner (Mark Rufallo) e um cetro de Loki recuperado da Hydra, Ultron deveria ser um programa de inteligência artificial capaz de pensar sozinho e proteger a Terra, trazer a paz mundial. Mas o tiro sai pela culatra. Ao invés de um Vingador, o programa perde o controle, ele entende que paz entre humanos é sinônimo de extinção da raça.


Ultron

Usando todo o conhecimento que existe na internet, todo seu potencial de pensar e criar sozinho e uma personalidade extremamente parecida com seu criador Stark (egocêntrica, ácida, engraçada), Ultron tem planos megalomaníacos, que envolvem principalmente a extinção dos Vingadores. Constrói um corpo metálico e conta com a ajuda dos gêmeos Maximoff (Aaron Taylor-Johnson e Elizabeth Olsen). O rapaz tem o poder da velocidade e a garota possui habilidades telecinéticas. Juntos eles criam o maior desafio que o grupo de heróis já enfrentou, não só fisicamente falando, mas emocionalmente também. Ultron deseja dividir para conquistar, quebrar a unidade e amizade e que os Vingadores têm, única coisa que ele não consegue em sua falta de humanidade, já que é um robô.

Os gêmeos Maximoff

Um dos pontos interessantes de Os Vingadores 2 é o foco em personagens que não tem filme próprio. Há um destaque bem grande para a Viúva Negra (Scarlett Johansson), que engata um romance com Bruce Banner. Apesar de fofinho, não senti química ali. E foi uma graça conhecer outro lado do Gavião Arqueiro (Jeremy Renner), com a sua família e sua vida simples. É interessante perceber como às vezes ele se sente inferior aos colegas de grupo, já que é o mais “normal”. Não é um deus, não tem super poderes, não tem uma traje caro, mas tem um treinamento de dar inveja e é uma espécie de “cola” para todos. A criação do herói Visão (Paul Bettany) foi muito boa e podemos perceber pela sua participação que apesar de termos tido apenas um gostinho de quem ele é, será importantíssimo nos próximos filmes.


Senti um pouco de falta do Thor (Chris Hemsworth) e do Capitão América (Chris Evans). Apesar da presença constante, não foram importantíssimos para a trama. Em compensação foram responsáveis por várias das melhores tiradas cômicas do filme.

A ação quase ininterrupta mesclada com humor é um dos fatos que mais me faz gostar dos filmes da Marvel, e nesse caso não foi exceção. As cenas de correria e luta são lindíssimas, principalmente na batalha final. Há uma infinidade de robôs chatos do mal, no melhor estilo Michael Bay e seus Transformers. A estética é muito bonita, os efeitos impecáveis e as atuações divertidíssimas (Como não amar Robert Downey Jr.?). Mesmo adorando a ação, as cenas em que estão mais quietos, apenas conversando, são pontos altos, principalmente a sequência após uma festa em que todos brincam tentando levantar o martelo de Thor.


Quem espera ver muito herói magia, tem para dar a vender! Na sessão que eu fui escutava gritinhos toda vez que focava no Capitão América e no Thor, além de vários suspiros por Tony Stark, pelo Gavião Arqueiro e mesmo por Bruce Banner. E os homens não podem reclamar, temos a Scarlett Johansson toda linda e gostosona em sua roupa de Viúva Negra.

Alerta MAGIA, MUITA MAGIA!

Há muita resenha ruim sobre o filme, dizendo que o diretor Joss Whedon foi preguiçoso em seu roteiro e concepção, tanto que ele já foi trocado pelos irmãos Russo, responsáveis pelo excelente Capitão América 2: Soldado Invernal, para o próximo filme da série. Para críticos de cinema, falta sentimento aos Vingadores 2, compaixão por parte do público e há ação com efeitos especiais excessivas. Para nós, meros espectadores mortais, é uma diversão, entretenimento de altíssima qualidade, personagens e atores que amamos e uma ótima continuação.

Elenco  completo participando da Comic Con

Recomendo muito.

Teca Machado

10 comentários:

  1. ah, eu preciso arrumar um tempo pra ir ver esse filme agora no feriado prolongado!!!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Oi Teca, como vai? Eu ando morrendo de vontade de ver esse filme, depois dos seus comentários então fiquei sem saída! rss

    Bjs

    http://joandersonoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joanderson, eu estava assim igual a você.
      Quicando de ansiedade para assistir. Ainda bem que consegui ir e adorei.

      Beijooo

      Excluir
  3. É um filme realmente empolgante, não só pela produção em si, mas por todas as possibilidades que nos apresenta sobre o futuro do Universo Marvel.

    Quando o Visão apareceu e fez aquilo...nossa, fiquei eufórico! rsrs.

    Cristiano Almeida
    http://ligadoscinefilos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos dois, Cristiano.
      Surtei no cinema, hahaha.

      Beijooos

      Excluir
  4. Exatamente! Scarlett Johansson... *-*
    É impossível não ficar na expectativa por esse filme e tenho certeza, desde sempre, que a Marvel mais uma vez vai me surpreender com a produção e com tudo o que a envolve. Além de tudo o que já se sabe quando esse universo está em pauta, o simples fato de a Viúva Negra ter um destaque maior seria suficiente, por isso espero conferir o mais breve possível, apesar das críticas que existem, como você bem citou.

    Beijos,
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ricardo, críticas sempre vão existir, né?
      Não podemos deixar que elas nos façam desistir de assistir algum filme.
      Mas tenho certeza que você, assim como eu, vai gostar.
      :D

      Beijooos

      Excluir
  5. Vi o primeiro e gostei bastante. Pela sua resenha, acho que vou gostar desse também.
    E esse Thor.... ah esse Thor..... #socorro... hahaha
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Socorro mesmo, Mone.
      Faço minhas as suas palavras: Thor... ah esse Thor...
      Hahaha.

      Beijooos

      Excluir