terça-feira, 19 de maio de 2015

A Herdeira – Kiera Cass sendo essa linda!


Ah, Kiera Cass, como eu estava com saudades, minha querida! Um ano sem você é muito tempo para esse meu coração apaixonado. Agora que li A Herdeira, quarto volume da série A Seleção, fora o livro de contos, digo: Como vou ficar mais um ano sem saber o que acontece? Hein? Você foi maldosa ao terminar o livro com tanto, mas tanto, em aberto (Calma, não vou dar spoilers, mas já digo para se prepararem para ficarem ansiosíssimos pelo próximo volume).


Consegui meu exemplar de A Herdeira, da editora Seguinte, pela pré-venda. Mas o melhor de tudo foi que comprei a edição de capa dura numerada especial da Saraiva. É tão, tão lindo, como todos os livros da série! Toda hora que passo por ele fico admirando, no melhor estilo mãe orgulhosa olhando seu bebê, haha.

Meu livro numerado :)

Agora, vamos ao que interessa: A história. Se você não leu os livros anteriores da Seleção, pode ter spoilers do que aconteceu neles. Então leia primeiro a resenha de A Seleção, A Elite, A Escolha e Contos da Seleção.

Em A Herdeira, 20 anos se passaram desde A Escolha. Maxon e América se casaram, tiveram quatro filhos, extinguiram as castas e revolucionaram a maneira de reinar Illéa. Mas nem tudo são flores. O povo ainda se revolta e o reino tem cada vez mais problemas. O rei precisa urgente criar algo para acalmar o ânimo da população.

A filha mais velha do casal, Eadlyn, nasceu para ser rainha. Eadlyn chegou ao mundo sete minutos antes do seu irmão gêmeo Ahren, o que a tornou a próxima na linha de sucessão ao trono, a primeira mulher a governar o país. Apesar de se preparar, se esforçar e levar muito a sério a tarefa que a espera, Eadlyn gostaria que o fardo fosse de um dos seus três irmãos, não seu. Ainda mais quando sabe que não tem o carisma dos pais, a inteligência dos irmãos e nem o amor do seu povo. E por falar em amor, por ser independente demais, forte e autossuficiente, a garota de 18 anos acredita que não precisa de um homem, muito menos para ajuda-la no cargo de rainha. Até que chega o momento de uma nova Seleção e 35 rapazes chegam ao castelo para tornar sua vida confortável e entediante num caos total.

Kiera Cass
Eadlyn não é América, tenha isso em mente. Mas não se preocupe, isso não é ruim. Apesar de teimosa como a mãe, a filha tem pouco da personalidade da protagonista anterior. Acredito que a autora quis distanciar as duas para que não houvesse comparação entre as personagens. Por ser uma princesa e por ter 18 anos, Eadlyn é mimada e egoísta, fora que é fria e um tanto sem sentimentos. Não para de repetir o livro inteiro que é a pessoa mais poderosa do mundo, que não precisa de um marido e que está acima de todos. Às vezes ela nos irrita, só que tudo bem, a América também tinha esse efeito sobre nós. Mas os baques da vida e os garotos da Seleção vão mostrando para a personagem que ela não precisa ser assim. Kiera Cass deixa muito claro com os acontecimentos que vai desconstruir as noções de Eadlyn sobre si mesma, sobre o amor, sobre governar e sobre ser líder.

Maxon, América, Aspen, Lucy, Marlee e outros personagens da primeira parte da série aparecem, mas são secundários. Só os vemos pelos olhos de Eadlyn, que é totalmente alheia ao que aconteceu na Seleção dos pais. Tive dificuldades tremendas de envelhecê-los na minha mente, todos ainda tinham a cara de jovens na imaginação. Senti um pouco de falta do fogo de América, por mais que 20 anos, governar e quatro filhos mudem as pessoas, ela estava um pouco apagada. Maxon apareceu muito mais e continua um docinho. Maxon, te amo!

Em compensação, os novos personagens introduzidos nesse universo são ótimos. Os irmãos de Eadlyn são uns queridos, principalmente Ahren, o gêmeo. Os garotos da Seleção foram muito bem construídos, principalmente os que têm foco no livro, como Kile, filho de Marlee, Henri, Hale, Ean, Fox e Erik. Nem consigo decidir por qual torcer! E se você espera 35 garotos perfeitos na Seleção de Eadlyn, pode esquecer. Tem um ou outro fofo, mas vários são desprezíveis, instáveis, orgulhosos e mau caráter. A princesa vai ter bastante trabalho.

Ficam tão lindos na estante!

O final é inesperado e surpreendente, então prepare-se para ficar quicando de ansiedade pelo próximo volume que só sai no ano que vem.

Recomendo um montão.

Teca Machado

22 comentários:

  1. Estou louca para ler essa série! Sempre vejo promoções no Submarino, mas sempre deixo pra lá :( Agora que vai virar filme, é capaz que eu tenha finalmente coragem de ler e provavelmente - viciar -. Haha. A unica coisa boa, é que tem vários livros e eu não precisarei esperar anos e anos por continuação, snif, snif.

    http://anneandcia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anne, essa série vicia mesmo! Toma cuidado, haha.
      :P
      São tãããããão lindos!

      Beijooos

      Excluir
  2. Oiii Teca, tudo bem???? Hhahaha, me julgue agora. Mas eu não curto a trilogia (??? agora série). Não, nunca li, mas não gosto da proposta dos livros. Não adianta!!!!! Mas é tão legal ler uma resenha quando alguém curte muito um livro =D
    E capas duras são divinas né??? hahah, eu queria todos os meus livros assim, kkkkk
    Um beijão
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Questão de opinião mesmo, né?
      Eu gosto para caramba, hahaha. :P
      E livros de capa dura são o que há de lindo nesse mundo!
      Hahaha.

      Beijooos

      Excluir
  3. Oi Teca,
    Estou lendo A Herdeira e posso dizer que gostei da iniciativa da Kiera em criar uma personagem tão diferente da America. Eadlyn é meio irritante sim, mas acho que muitas coisas ainda vão rolar e ela irá amadurecer ao longo dos livros!!
    Estou adorando, mais uma vez, a narrativa da Kiera ^^
    Parabéns pela resenha, ficou ótima :)
    Beijos,

    versosenotas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi exatamente isso que eu achei.
      Colocou ela bem chata para ir melhorando nos livros.
      Tomara, porque ela é realmente muito chata, haha.

      Beijooos

      Excluir
  4. Eu achei essa capa a mais linda EVER dentre todas. Nunca li os livros, acredita? Mas ouço falar tãããão bem que me mordo de curiosidade. Tô esperando o preço baixar, tô me segurando pra comprar livros proque tenho uma fila de espera com uns 12! HAHAHAH

    beijo
    beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hellzzzzzzzzzzzzzzz
      Você como uma drama queen vai gostar dos livros.
      São maravilindos!
      E agora vão sair todos em capa dura.
      Muito amor para o coração, hehe.

      Beijooos

      Excluir
  5. Adorei o post, amoooo infinitamente essa coleção e estou super ansiosa p ler a herdeira e amei o blog, bjinho <3

    http://blogbaudefeminices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lityeri, A Herdeira é bem legal.
      Se você gosta da série, vai gostar, mesmo a Headlyn sendo um saco, haha.

      Beijooos

      Excluir
  6. É por esse motivo que agora eu só leio séries quando já estão todos os livros lançados... se não não aguento de ansiedade... rs
    E acabo esquecendo algumas coisas também, afinal 1 ano é muito tempo e muitos livros passam pela gente durante um ano... haha
    Mas essa série parece ser muito boa. Quando for toda lançada, eu começo a ler! rs
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mone, eu também sofro muito com isso, hahaha.
      Quando comecei a ler essa, estava quase pronta a trilogia inicial, que seria só trilogia.
      Aí agora tem mais livros e eu fico sofrendo esperando.
      :P

      Beijooos

      Excluir
  7. Oi Flor!!!!!
    Que lindo esse capinha dura!!!! Eu ameiiiiiiiiiiiii essa obra, estava com as expectativas lá em cima, mas me surpreendi, o medo passou e curti loucamente cada parte da história, achei a protagonista maravilhosa, coisa linda ver esses pais também, agora o final me matouuuuu! Cass muito malvada! Beijos Beijos
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2015/05/resenha-o-segredo-de-indie-tara-taylor.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiiiiiiiim, muito malvado o final!
      Isso é injusto com leitores que vão ter que esperar um ano pelo livro novo, haha.

      Beijooos

      Excluir
  8. Então, sabe quando você acaba de ler um livro e descobre que a sequencia só vai ser lançada no próximo ano? ESTOU PIRANDO!!!! Li tudo o que eu tinha para ler, mas ainda não paro de pensar como vai ser o próximo livro. Como está America, como os garotos estão, como Kile está, como Ahren e Camille estão. Ai Deus!!! Meu coração é metade Kile e metade Erick (Mesmo contra todas as regras). Sério, estou pirando. Apelei até para as fanfics, mas nenhuma me chamou atenção. Todas envolvem artistas e outros livros de universos diferentes. Eu só quero ler algo onde Eadlyn e Kile se beijam muuuuuito ou Eadlyn arrumando um jeito de burlar todas as regras e ficar com o Erick, mesmo ele sendo só o rapaz que traduz tudo para o Henri, é difícil isso??? Quero ler maaaais *--------* Vida de leitora não é nada fácil. Decidi eu mesma escrever algo. Acho que eu vou fazer várias histórias de Eadlyn cada uma com um selecionado diferente. Definitivamente eu estou pirando.

    ResponderExcluir
  9. Adorei os quatro livros, a história é diferente e encantadora... li tudo em 10 dias... maravilhoso... Mas sinceramente a autora falha um pouco em colocar Maxon e América tão velhos... se se passaram só vinte anos... como um casal de 18 que agora deve ter 38, pode ter tido um ataque anos atraz e América agora? Fiquei um pouco triste com isso...

    ResponderExcluir
  10. Adorei os quatro livros, a história é diferente e encantadora... li tudo em 10 dias... maravilhoso... Mas sinceramente a autora falha um pouco em colocar Maxon e América tão velhos... se se passaram só vinte anos... como um casal de 18 que agora deve ter 38, pode ter tido um ataque anos atraz e América agora? Fiquei um pouco triste com isso...

    ResponderExcluir
  11. Faz uma semana que terminei A Herdeira e não me aguento mais de curiosidade e ansiedade! Keira não poderia ter feito isso com nós :((((

    ResponderExcluir
  12. Ainda não consigo ler o livro e não ver o fogo da América :(

    ResponderExcluir
  13. Ainda não consigo ler o livro e não ver o fogo da América :(

    ResponderExcluir
  14. ameiiiii cada um dos livros e a sua forma de descrever, acredito que é exatamente o que nos vemos é sentimos rsrs... Senti saudades da América e Maxon, de vdd :(... Do carinho e sensibilidade que ele tinha com suas queridas...que as vezes dava até raiva... Pq ele não se decidia... Mais América não ficou muito atrás com Aspen.
    E Eadlyn é exatamente o oposto de tudo que nos apaixonamos na Seleção, mas acabamos torcendo para que no fim ela reconheça que está mudando seus sentimentos e que se interesse por alguém... Muitas vezes fiquei na dúvida sobre Erik e Kile... Mas sim, é difícil saber ou não rsrs.
    Ansiosa pelo fim... E já estou sentindo saudade de mais uma história dessas!!!

    ResponderExcluir
  15. ameiiiii cada um dos livros e a sua forma de descrever, acredito que é exatamente o que nos vemos é sentimos rsrs... Senti saudades da América e Maxon, de vdd :(... Do carinho e sensibilidade que ele tinha com suas queridas...que as vezes dava até raiva... Pq ele não se decidia... Mais América não ficou muito atrás com Aspen.
    E Eadlyn é exatamente o oposto de tudo que nos apaixonamos na Seleção, mas acabamos torcendo para que no fim ela reconheça que está mudando seus sentimentos e que se interesse por alguém... Muitas vezes fiquei na dúvida sobre Erik e Kile... Mas sim, é difícil saber ou não rsrs.
    Ansiosa pelo fim... E já estou sentindo saudade de mais uma história dessas!!!

    ResponderExcluir