sexta-feira, 10 de junho de 2016

De repente trinta! - Projeto Drama Queen #81


Oi, Gente! Mil desculpas pelo sumiço aqui no Projeto Drama Queen! Para compensar, preparei um dramalhão daqueles chamado: vou fazer 30 anos e estou na sofrência! 

Lembram daquele episódio de Friends onde a Rachel ganhou café da manhã quando fez 30 anos e Joey não se conformava com essa idade do mal? Então... TAMO JUNTO, JOEY. Por que, Deus? Por quê?? Esse dia me traumatizou e não é drama. Juro juradinho!


Essa idade mexe, gente. Por mais que eu reconheça algumas conquistas, a verdade é que a minha vida é bem diferente do que eu imaginei. Por exemplo, eu ainda moro com a minha irmã e mãe. Não me levem a mal, amo morar com elas. Não me vejo matando barata num apartamento sozinha. Porém, sonho em ter meu cantinho com milhões de spray de matar bichos esquisitos. Também já realizei muitas coisas na minha vidinha profissional, só que sonho constantemente com o meu dia da Bienal do Livro lançando mais um best-seller. Só que eu nem comecei o segundo capítulo do primeiro.

Outra coisa: apesar dos pesares e sempre me sentir um peixinho fora d'água, gosto da vida de solteira. Entretanto, sou louca para dizer o tão sonhado sim em uma igreja de Santo Antônio ou em um castelo da Suíça.  Mas juntar as escovas de dente, já me faz sorrir de orelha a orelha. Por mais brega que isso soe. Porém a minha realidade é essa: nem match tá rolando no Tinder! Hahaha #carolbombando #sqn E já que o assunto é relacionamento, sonho com o dia em que algum baby olhe no fundo dos meus olhos e eu diga: sou sua mamãe e aquele é o seu papai.

Às vezes a sensação é de que esses sonhos estão bem distantes. A cada dia que passa não tenho tempo a perder. Só que em contrapartida, nada acontece. Ai tento me animar escutando a música da Sandy. Mas sempre tem efeito contrário. Ela canta aquilo de mimi. A vida dela aos 30 estava uma maravilha. Bom, pelo menos eu acho. Isso sim é drama à toa. Quem em sã consciência reclamaria da vida dela. Ai outra tentativa: fui assistir um filme onde a protagonista ficou feliz por ter visto um cabelo branco. Só que eu sou tão errada que nem cabelo branco eu tenho. Tá bem. Eu sou maluca, mas deu pra entender, né? ; p


Para tentar animar, li em um livro que os 30 são os novos 20. Ai deu um alívio, né? Vi que tudo bem não ter tudo que sonhei antes dos 30, afinal, só tenho 20 pelas contas, né? Só que tudo mudou quando a minha irmã me ligou falando que uma amiga ia casar. Sendo que a dita cuja eu vi criança. Não é inveja, mas poxa eu nem consigo sair do terceiro encontro e a menina 10 anos mais nova já está com a vida feita. Desculpa, gente. Parece atitude horrível, mas meu bad day voltou. =(  

Apesar de tanto medo dessa idade nada a ver comigo, sabem o que eu morro de medo? Da pergunta que vou ter que responder daqui para frente: QUANTOS ANOS VOCÊ TEM??? Dos olhares tortos, já que não estou casada, não tenho filhos, um emprego fixo e por aí vai. Tenho 99% de certeza de que vou chorar a cada sílaba da resposta “trin-ta a-nos”. Só de pensar, cai uma mini lágrima. Fora que ninguém vai acreditar, não por eu me achar, nem nada. Mas eu falo 29 e a pessoa fica de queixo caído, imaginem 30??? Vou ser motivo de piada. 

Mas aos trancos e barrancos, estou tentando me acostumar com a ideia. Não é vaidade, gente. Juro. É que a gente é tão cobrado, que acaba se cobrando também. Não quero morrer, nem nada. Deus me livre. Minha mãe me mata. Acho que os 31 anos vou estar mais tranquila. E é aquilo, apesar de ser dramática de carteirinha (não que isso seja um drama, mas deu para entender hahaha), sei na teoria que tudo tem o seu tempo. Uma hora as coisas vão aparecer. Assim espero, ok vida? Só assim para te perdoar hahaha. Brincadeirinha. ; p

Se alguém tiver alguma dica para enfrentar essa idade da melhor maneira, fique à vontade. Mas também se quiser compartilhar alguma neurose para contribuir com as minhas, fique à vontade. O importante é todo mundo #ajeitaracoroa e vida que segue. Né, não brotos? AI MEU DEUS! TO FICANDO MUITO IDOSA!!! =DDDD


****

Vale lembrar que o Projeto Drama Queen é uma parceria entre os blogs Pequena Jornalista e Casos, Acasos e Livros. Toda semana um textinho com dose extra de exagero (tipo Tinder, gíria idosa, tudo brincadeira) e, claro, drama. Quer participar? Envie uma sugestão para a gente: projetodramaqueen@gmail.com.

Beijos,
Pequena Trintão!

5 comentários :

  1. Eu vou fazer 20 em agosto e já tô achando que não conquistei nada do que havia planejado.A verdade é que somos muito cobrados,o tempo inteiro.Com 30 anos já acham que temos que estar com a vida feita (principalmente no caso das mulheres), mas não é assim, tudo tem seu tempo...Hoje em dia é super normal a pessoa ainda não ter conquistado tudo o que sonho antes dos 30.Mas pense que vai chegar...e se não chegar, partiu fazer um mapa astral e ver o que tem de errado :pp kkkk, mas tudo vai dar certo, Carol, aceite os 30 anos, curta o amadurecimento constante.

    Beijos

    www.poesiaemtranse.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, os 30 estão tão perto para mim!
      Queria eu estar perto dos 20, como você.
      Essa cobrança louca, principalmente às mulheres, é uma loucura!

      Beijooos

      Excluir
  2. Acredito que não devemos comparar nossas vidas com as das outras pessoas. Cada um tem um caminho diferente e escolhas diferentes. Eu quero chegar aos 30 anos com pelo menos uma viagem marcada para a Europa, mas não ligo de não ter carro ou casa ainda. A vida mudou muito e os salários também. É praticamente impossível manter uma casa sozinha hoje em dia e nem acho que vale tanto a pena. Prefiro conhecer o mundo, um país de cada vez! :)

    Espero que aproveite o aniversário e dê início aos seus projetos!! :D

    Bjs

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gente nunca sabe o que nos espera aos 30, né?
      Podemos fazer planos, mas nunca se sabe.
      E eu acho sua ideia de viajar muito mais válida do que casa mesmo, haha.

      Beijooos

      Excluir
  3. Como eu te entendo... rs
    Se eu aos 24 já me sinto assim, imagino você aos 30.
    E poxa, 24, 30, 40 anos. Somos tão novos ainda. Temos tanto tempo. Pra quê o desespero, né!?
    Essa sociedade tá deixando os jovens doentes com essa cobrança de ter a vida bem sucedida aos vinte e poucos anos. O negócio é deixar essa cobrança pra lá mesmo e viver tudo no nosso tempo. ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir