quarta-feira, 16 de abril de 2014

Cartas Para Julieta – Resposta diretamente de Verona


Seu tempo para participar do sorteio de comemoração aos 100 mil acessos do blog está quase acabando. Você tem até sexta ao meio-dia e o resultado sai sábado. Corra! Saiba mais aqui.

Agora vem cá que eu vou contar uma história linda para você!

Um dos posts de maiores acessos do blog é sobre o livro Cartas Para Julieta, das irmãs Lise e Ceil Friedman (Aqui). Diferentemente do filme (Comentei aqui), que é um romance fictício, a obra em papel mostra a história da cidade de Verona e como ela ergueu uma economia de turismo ao redor do casal mais famoso do mundo: Romeu e Julieta.


Um dos pontos que mais chamam atenção em Verona é a Casa da Julieta, onde as pessoas podem enviar cartas para ela e receber respostas. A cidade tem uma equipe de “Julietas” que fala várias línguas e responde às correspondências, tanto as que chegam pelos turistas quanto as que chegam pelo correio do mundo todo.

Ontem a Carol, do blog Pequena Jornalista, me falou da Ana Bia, uma amiga de uma tia, que recebeu uma resposta da Julieta! Achei o máximo e entrei em contato com ela. A Ana Bia compartilhou um pouco da experiência com a gente.

Com apenas sete meses de namoro, ela e o Felipe resolveram fazer uma viagem romântica pela Itália e um dos destinos foi Verona. Em visita à Casa da Julieta, eles escreveram os nomes num coração no degrau da escada da Casa, onde a história deles realmente começou a criar raízes.

Ana Bia e Felipe em Verona

Com a estátua de Julieta  (Dizem que esfregar os seios dela traz fertilidade e sorte no amor)

Na Casa de Julieta em frente ao balcão onde Romeu aparecia 

Ela pediu que alguém que for visitar Verona olhe se ainda está lá o nome deles e mande uma foto

Também enviaram uma carta em um pedacinho de papel que encontraram no chão e colocaram na caixa de correio vermelha que fica no local.



Agora, oito meses depois, a resposta chegou para a Ana Bia!


 Para deixar a viagem dos sonhos ainda mais linda, Ana Bia e Felipe ficaram noivos em Veneza dias depois. “E pedimos benção a nossa união na Basílica de São Pedro, em Roma. Tudo perfeito. Mas com certeza a Julieta deu um empurrãozinho!”, conta.


Ana Bia quis compartilhar a história com a gente porque espera incentivar outras pessoas a continuarem acreditando no amor!

Bom, sei que eu acredito.

Todo amor e felicidade do mundo para a Ana Bia e para o Felipe.

Teca Machado

Nenhum comentário:

Postar um comentário