quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

A briga com a quina da parede – Projeto Drama Queen #66



Minha família passou uns dias no meu apartamento. Quando eles foram embora, minha casa estava mais do que um caos de bagunça. Pois bem, na segunda-feira passei a manhã arrumando tudo, até que algo aconteceu...

Entrei numa briga com a quina da parede. 

Ela venceu.

Sabe quando você dá aquela topada com os dedos dos pés e parece que até vê estrelas de tanta dor? Dessa vez foi pior. Nunca bati o pé com tanta força na bendita parede (E olha que isso é algo que faço bastante).

Eu estava cheia de roupa de cama nos braços, andando numa velocidade normal, com o Calvin, meu cachorrinho, rodeando meus pés. Não sei o que aconteceu, se eu errei a mira, se o Calvin me fez desviar o caminho ou se foi desatenção, só sei que bati com toda força na quina. Tão forte que derrubei tudo o que estava segurando, até soterrei o Calvin com as coisas (Ok, isso foi engraçadinho, ele lá “nadando” entre os lençóis).

Gritei horrores, imagino que o pessoal dos outros apartamentos tenha escutado. Para vocês terem noção do quanto doeu, eu, que nem falo palavrões, berrei vários mentalmente. Na minha cabeça, falei os mais cabeludos que conhecia, haha.

Foi dolorido e tudo o mais, mas não prestei muita atenção aos meus dedos. Me recuperei e voltei a arrumar a casa. Minutos depois, como estava latejando muito, olhei meu pé: Cheio de sangue. Sim, amiguinhos, a pancada foi tão forte que eu arranquei um pedaço da unha do dedo mais atingido. Sexy.

Limpei e continuei a vida.

Um tempo mais tarde olhei outra vez porque mal conseguia colocar o pé no chão e o dedo da unha quebrada estava parecendo uma bolinha de gude roxa. Que amor! Hahaha.

Isso foi na segunda. Hoje é quinta-feira e o dito cujo ainda está bem horroroso e dolorido. Fiquei com medo de ter quebrado, mas uns amigos médicos disseram que eu só machuquei muito. Menos mal.

Nem precisei fazer drama exagerado, porque dessa vez o machucado foi feio. Só não coloco foto para vocês verem porque, né, está muito cabuloso. :P

Tive que me abster de exercícios físicos essa semana, o que foi uma droga, já que na semana passada, com o carnaval, meu aniversário e visitas em casa eu comi igual um boi, haha.

A lição que ficou foi: Nunca entre numa briga com a quina da parede. Ela é mais dura e afiada do que você. Com certeza vai ganhar.



*** 

O Projeto Drama Queen é uma parceria entre os blogs Casos, Acasos e Livros e Pequena Jornalista. Contando com muito humor e exagero os pequenos e grandes dramas da vida comum, o projeto é nossa forma de extravasar e rir dos acontecimentos ruins. Quer mandar sua participação especial? Fale conosco.

Teca Machado

9 comentários:

  1. HAHAHAHA quem nunca! parece que só melhora mesmo se a gente xingar MUITO!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, deu vontade de xingar minha 198 geração, hahaha.

      Beijooos

      Excluir
  2. Oii, Teca!
    Amei a postagem e super me identifico haha, a tirinha é um resumo da minha vida. Adorei a coluna, continue haha!
    Beijos!
    apenasumaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mariana!
      Que bom que gostou. Fico feliz! :D

      Beijoooos

      Excluir
  3. HAHAHA ri aqui com os seus "xingamentos mentais" porque eu JAMAIS conseguiria não xingar em alto e bom som numa situação dessas.
    Até que faz tempo que não acontece uma dessas, mas deve ser porque eu basicamente moro no meu quarto e ele tem poucos cantos a serem "explorados" com o meu dedinho
    Realmente é uma dor desgraçada
    Gostei do projeto!

    Beijos,
    Kemmy - Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha.
      É que eu não falo palavrão, por isso foi só mental.
      :P

      Beijooos

      Excluir
  4. Teca, tinha digitado um comentário super legal, mas minha internet de merda de pau e eu perdi tudo.

    Tentando lembrar tudo que tinha escrito, eu confesso que adorei o "love story" que publicou porque gente, é muito f*** bater o dedo nessas quinas.

    E sinto muito pela dor, viu? Já passei por isso. Só que perdi a unha e fiquei meses até crescer uma nova. E o pior foi que minha mãe me fez colocar o dedo machucado em água quente com sal e vinagre. Sem palavras para descrever. É pior que a batida. Sério! Hahahahaha

    O lado bom é que a unha nasce de novo depois de um tempo. Pelo menos, né?!

    E pode culpar o Calvin! Eu sempre culpo os meus gatos (Max e Pequeno) que aparecem do nada e fazem meu pé, joelho, coxa ou qualquer outra parte do corpo bater nos móveis da casa. Hahahaha

    Bjs

    livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carambaaaaa, que mãe malvada, hahaha.
      Doeu só de pensar nisso.
      :x
      Eu culpo ele porque geralmente ele é o culpado, como seus gatos, haha.

      Beijooos

      Excluir
  5. Nossa.. eu também tenho sérios problemas com quinas de qualquer coisa... rs
    Vivo cheia de roxo porque o desastramento é demais... rs
    Espero que agora já esteja tudo bem de novo.
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir