sexta-feira, 27 de junho de 2014

Beijo em uma pedra, o dom da eloquência e muita chuva em um castelo medieval irlandês - Por Iara Vilela


Toda vez que ouço aquela célebre frase nos casamentos: “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença” eu me lembro que ela vale para os viajantes também. Seria algo como: “no calor e no frio, no vento e na chuva, em todos os lugares (amém)”.

Este é o Blarney Castle! 
Pois bem, a história de hoje se passa na Irlanda. Mais precisamente no Blarney Castle, um lindo lugar que fica a cerca de 8km de Cork. Quem já foi para a Irlanda sabe que é frio e venta muuuuito na ilha, principalmente no início do inverno, estação em que fomos para lá. E com essa delícia meteorológica lá fomos nós conhecer o castelo medieval.

Saímos no trem das 10h que parte diariamente da estação de Dublin. Para mim, viajar de trem é sempre uma alegria, amo ficar observando a paisagem e dessa vez não foi diferente. Estava bem frio, por volta de zero graus, mas isso não nos impediu de sair do hotel.

Chegando na estação do condado de Blarney, tivemos que ir até um terminal que tem ônibus que parte de hora em hora e te deixa de frente para o castelo. E foi bem aí que tenho certeza de que Deus usou um cronômetro. Foi o tempo exato de a gente chegar até a entrada do castelo que lá veio ela: a chuva!! 

Eu, sob muita chuva! Ah! Desculpem pelo pingo na foto! o.O
Mesmo assim decidimos manter o passeio. Já estávamos lá e todos com roupas próprias para chuva. Entramos, conhecermos as galerias e subimos até o topo do castelo. Pra quem não sabe, diz a lenda que quem beija uma pedra que esta lá no alto, ganha o dom da eloquência. O mais legal é que o beijo precisa ser dado de ponta cabeças!! O marido foi beijar a pedra no frio e na chuva!!

Marido devidamente posicionado para beijar a pedra!

No território onde fica o castelo funciona também uma espécie de parque. Tudo muito bonito até onde conseguimos ver, porque a chuva ficou muitíssimo forte e não pudemos visitar 100% do lugar. Ainda no terreno do castelo, existe um outro ponto onde segundo a lenda, virgens eram mortas em oferendas aos deuses.

A vista de cima do castelo. Ah, desculpe pelo pingo de chuva, de novo! 
Na volta, enquanto esperávamos o ônibus que nos levaria para a estação paramos em um tradicional pub irlandês, em uma comunidade minúscula no interior do país para tomar algumas Guinness e nos secarmos também pois mesmo com nossos casacos e guarda-chuva, ficamos ensopados!

Mesmo com a chuva, valeu a pena!!! A dica é, se estiver chovendo, vai na chuva mesmo! Só deixe de fazer um passeio se a chuva, neve ou calor estiver muito forte e ameaçando sua saúde. De resto, aproveite porque situações como essa sempre rendem histórias divertidas!!

#Wanderlust

Iara Vilela é jornalista e como boa wanderluster, ama viajar e já conhece mais de 50 cidades em 11 países. Ela também gosta de chocolate, esmaltes, cervejas especiais, tulipas, moda e é dona de um São Bernardo e de um Golden Retriever. Pseudo-nerd que é, adora toda a obra de J.R.R. Tolkien e Isaac Asimov, além de ter paixão por festivais de música! Entre uma viagem e outra, ela escreve para este lindo blog e também para o"Com Erros Aprendi", que conta furadas e erros de navegação em muitas de suas viagens pelo mundo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário