terça-feira, 3 de junho de 2014

Neve em pleno verão da Patagônia - Por Iara Vilela


Oi gente, tudo bem? Os brasileiros descobriram que há muitos lugares BBB (Bom, Bonito e Barato) aqui pela América do Sul mesmo e o turismo nessa região só cresce! Ushuaia é um lugar fascinante e é  conhecida como "Fim do mundo"por ser o local habitado mais ao sul do planeta! :D 

A Laguna mais Esmeralda! 
A cidade possui muitos atrativos durante o inverno, mas no verão – época em que fomos – também há muita coisa bonita para se fazer. Uma delas é a trilha até a Laguna Esmeralda e confesso que esse passeio superou TODAS as minhas expectativas. Eu nunca tinha visto neve e contrariando as previsões (e para a minha sorte) nevou durante todo o caminho! <3

Vista ao longo do caminho.

A trilha até a Lagoa é moderada e você percorre um total de 8 quilômetros (ida + volta) entre montanhas nevadas, florestas fechadas, campos e ainda percorre um riacho com a água tão verde que você já entende o motivo da cor ‘esmeralda’ no nome da Lagoa.


Eu saí do hotel preocupada, pois choveu muito na noite anterior ao passeio, então calcule que havia muita, muita, muita lama e também bastante água acumulada. Mas mesmo assim, nada que dificultasse muito a caminhada. Também não era ‘lama até os joelhos’ como ouvi muitos dizerem.

Aí vai uma dica: faça a trilha com um tênis à prova d’água. Muita gente faz o truque de amarrar uma sacolinha plástica nos pés antes do tênis, mas não sei se neste caso ajuda muito por conta do frio.


Nós fizemos este passeio com um guia, o Ignácio. Não somos experts em trilhas e foi bacana ter contratado um guia e não fechado um passeio com uma turma de gente. Fomos apenas eu, o marido, um rapaz da Islândia e o guia. Mas, se você é acostumado a fazer trilhas, trekking e afins e tiver confiança para fazer a caminhada sozinho, não vejo muitos problemas pois é tudo muito bem sinalizado. Há plaquinhas nas árvores indicando a direção. Mas veja bem, só vá sozinho caso tenha experiência.


Começamos a trilha em uma área de floresta fechada e o legal é poder andar tranquilamente, no nosso ritmo. Fomos o caminho todo conversando e parando para tirar fotos, o que fez o tempo passar muito rápido. Depois da floresta pegamos um trecho bem descampado, mas com uma vista belíssima das montanhas, até que encontramos um riacho e fomos seguindo por ele até a Lagoa e que lindo foi chegar até lá!

A laguna!
Assim que começamos a tirar fotos da lagoa, a neve começou a cair ainda mais forte (ok, não chegou a ser uma nevaaaaasca, mas foi uma linda experiência) o que fez tudo ficar ainda mais especial para mim. Com certeza, foi um passeio inesquecível!

Ficamos um bom tempo apreciando a Laguna e as montanhas em volta. Lanchamos e começamos o retorno, que ficou ainda mais lindo com tanta neve!


Neveee! 

Eu nunca tinha visto neve. Já fui no inverno para Nova York e nevou dois dias antes de eu chegar e 3 horas depois do meu voo partir. Já fui numa das maiores estações de ski da Áustria e não tinha gelo em nenhuma parte… é, o meu blog, o Com Os Erros Aprendi não tem esse nome sem motivo. Os amigos mais próximos brincavam que se eu fosse para o Polo Norte, eu iria acelerar o processo do aquecimento global. Mas, enfim, quem viaja sabe que as vezes acontecem algumas coisas que nos deixam sem ar e poder ter visto a neve no verão da Patagônia foi lindo!


Valores

Eu conheci o Mário e a Jana do “Brasileiros em Ushuaia” pela internet. Esse casal de brasileiros mora há um ano em Ushuaia e os dois trabalham em uma operadora de turismo. Eles desenvolvem e oferecem passeios sob medida para nós, brasileiros e as vezes até conseguem um descontinho bacana!  Foram eles que reservaram todos os passeios para mim (não, não ganhei nada para falar bem deles, apenas adorei o serviço que prestaram). Lembrando que fizemos um passeio fechado, por isso o preço saiu $550 pesos, um total de R$ 155,00 por pessoa.

#Wanderlust

Iara Vilela é jornalista e como boa wanderluster, ama viajar e já conhece mais de 50 cidades em 11 países. Ela também gosta de chocolate, esmaltes, cervejas especiais, tulipas, moda e é dona de um São Bernardo e de um Golden Retriever. Pseudo-nerd que é, adora toda a obra de J.R.R. Tolkien e Isaac Asimov, além de ter paixão por festivais de música! Entre uma viagem e outra, ela escreve para este lindo blog e também para o"Com Erros Aprendi", que conta furadas e erros de navegação em muitas de suas viagens pelo mundo!

Um comentário:

  1. Olha, não sou muito de trilha, mas mega toparia esse passeio! ;-))
    Que lugar lindo! Dica anotada, meninas!
    Beijos,
    Carol
    www.pequenajornalista.com.br

    ResponderExcluir