sexta-feira, 3 de abril de 2015

Maze Runner – Correr ou Morrer: Sobre o livro


Dificilmente assisto ao filme antes de ler o livro, mas em alguns casos, quando o filme já está ali no cinema e eu estou curiosa, isso acontece. Foi o caso de Maze Runner – Correr ou Morrer, de James Dashner (Comentei sobre o filme aqui). Vi a produção assim que lançou em 2014 e mês passado finalmente li o livro, que peguei em parceria com a Livraria Janina. Apesar de bem diferentes possuem a mesma essência. As mudanças foram daquele tipo que não me incomodou e achei que realmente funcionou para o cinema.

Capa original e o revestimento com a imagem do filme

Maze Runner – Correr ou Morrer é o primeiro livro de uma série distópica de cinco volumes. Thomas acordou sem memória dentro de um elevador em movimento. A única coisa que sabe é o seu nome. Tem algumas imagens confusas na cabeça, mas nada faz sentido. Quando o elevador para e as portas se abrem, ele se encontra num campo rodeado por muros gigantescos e vários meninos da sua idade olhando para ele. Ele chegou à Clareira.

Ninguém sabe o motivo de estarem lá, quem os mandou e com qual objetivo. Tudo o que sabem é que a cada mês chega um garoto novo, todas as semanas chegam mantimentos, atrás dos muros, que se fecham todas as noites e abrem de manhã, tem um labirinto e que à noite fora da Clareira é mortal devido aos Verdugos, monstros que povoam o labirinto. Cada menino tem uma tarefa naquele “lar” e Thomas deseja ardentemente ser um Corredor, aqueles que passam o dia tentando desvendar o labirinto e encontrar uma saída.

Tudo sempre seguiu uma rotina, mas um fato altera os ânimos dos rapazes: a chegada de uma menina, Teresa. E Thomas tem a impressão de que já a conhece, só não sabe de onde. Com a vinda dela, todo o mundo conhecido na Clareira começa a desmoronar e todos precisam encontrar urgente uma escapatória daquele lugar.

James Dashner
Maze Runner – Correr ou Morrer é de tirar o fôlego. Como o próprio título diz tem muita correria, literalmente falando. Thomas, Minho e os outros Corredores passam muitas horas do dia em meio ao labirinto em alta velocidade. Cansei só de ler! E a leitura é realmente ágil, principalmente depois que você acostuma com as gírias inventadas pelo autor, como se a Clareira realmente fosse uma sociedade separada, com costumes e linguagem própria. É um fato interessante e diferente do que estamos acostumados.

Mesmo já tendo visto o filme antes de ler, a sensação de “ai, minha nossa, e agora?” esteve sempre comigo durante a leitura. A situação dos personagens vai se complicando tanto que você fica agoniado junto com eles. E mesmo quando chega o final a curiosidade pelos próximos livros aumenta ainda mais porque o desfecho é do tipo “whaaaaat?”.

Diferente do filme, que deu uma amenizada, Thomas sofre muito, mas muito bullying no livro. Minho, Alb e Newt não são tão gente boa, mas no fundo têm bom coração e são divertidos depois que você passa pela camada de grosseria. Chuck, o também novato amigo de Thomas, continua uma gracinha, fofinho e gordinho. Gally é muito mais maligno, dava até medo dele, haha. Teresa é uma força da natureza, uma contrapartida entre tantos homens. E Thomas é um excelente protagonista. Tem seus momentos de desânimo, mas é forte, líder e muito corajoso.

Maze Runner – Correr ou Morrer é narrado em terceira pessoa pela perspectiva de Thomas, mostrando seus pensamentos, lembranças e medos mais profundos. É quase como se fosse o próprio personagem contando a história. A medida que Thomas vai descobrindo mais sobre si mesmo e sobre seu passado, os fatos vão sendo mostrados ao leitor também. Montamos juntos as peças do quebra-cabeça que é a Clareia.

Muito do livro ficou de fora ou foi alterado no filme, mas no fim das contas não teve problema. Os caminhos podem até serem um pouco diferentes, mas o destino é o mesmo. O final das duas produções são iguais e no fundo é isso que importa.

Recomendo bastante.

Comprei na Livraria Janina. Quer um também? Veja aqui.

Teca Machado

27 comentários:

  1. Acredita que eu nunca li o livro e nem assistir o filme? Eu sei que é uma falta de vergonha, pois muitas pessoas falam bem desse livro e eu já peguei várias vezes ele na mão pra comprar, mas nunca tive um interesse profundo. :( http://luxuosoestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, ele é bem bacana!
      Se não tem tanto interesse pelo livro, assiste o filme pelo menos.
      Vale a pena.

      Beijoooos

      Excluir
  2. Acredita que eu nunca li o livro e nem assistir o filme? Eu sei que é uma falta de vergonha, pois muitas pessoas falam bem desse livro e eu já peguei várias vezes ele na mão pra comprar, mas nunca tive um interesse profundo. :( http://luxuosoestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Teca.
    Sou igual a você, dificilmente assisto antes de ler, porém fiz isso com Maze Runner por estar no cinema! HAHAHA
    Agora quero ler os livros e estava com medo de me decepcionar, mas acho que sua resenha me fez decidir... vou colocar na minha lista. De verdade agora. HAHA
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ale, já estava ali no cinema, né? Esperar para que? Hahaha.
      Mas o livro é bem legal, bem bacana.
      Não deixa passar a oportunidade.

      Beijoos

      Excluir
  4. Um amigo ofereceu o livro emprestado mas na hora nem queria ler muito, sua resenha me fez mudar de ideia. Vou tentar lê-lo o mais rápido possível!
    Gostei, bjs!!
    http://diario-noturno.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, ele é meio diferente do filme, mas é muito bom.
      A escrita do autor é ótima.
      Lê mesmo.

      Beijooos

      Excluir
  5. Tequinha linda, tudo bom ?
    Comprei na bienal e me apaixonei pelas capas, principalmente da ordem de exterminio. Li maze runner antes de ver o filme, e sinceramente, achei o filme melor (O QUê? COMO ASSIM MININA) eu sei eu sei.. mas fico feliz que tenha gostado bastante rsrs
    Gosto do Thomas no primeiro livro, mas não da Teresa e o Gally como consegue ser irritante -.-' Meu Deus! rsrsr
    obrigadaaaa fofa <3
    papel também é meu xodó, mas eu gosto de levar na bolsa do trabalho o kobo hehehehe pesa bem menos e nao amassa o livro <33
    e sim, ja cheguei a ficar muito tempo sem carregar o ereader e isso é ótemo *-*
    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paaaaaaaam gatona
      Eu gosto dos dois, tanto do livro quanto do filme.
      Tenho uma tendência a gostar mais do livro, mas eu sou altamente tendenciosa, haha.

      Beijooos

      Excluir
  6. Vejo que mesmo com as mudanças, os dois são ação puríssimas. Eu quero muito ler... adoro obras assim.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, descreveu exatamente bem: Ação pura nos dois casos.

      Beijooos

      Excluir
  7. Oi, Teca!

    Assisti Maze Runner e fiquei "Oh my God, que filme incrível". Minha animação foi tão grande que, assim que o filme acabou, comprei o box da série, rs.
    Estou muito ansiosa para ler, parece ser pura adrenalina. Gostei de saber que, apesar de serem diferentes em alguns aspectos (afinal, é uma adaptação), tanto o livro quanto o filme têm a mesma essência. :)
    Adorei a resenha!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafa, fizemos igual, então.
      Direto do cinema para a livraria, haha.
      Adaptação é isso. Ter a mesma essência e terminar no mesmo lugar.

      Beijooos

      Excluir
  8. Estou louca pra conhecer mais a historia, seja no livro ou no filme. O Livro deve ser muito empolgante mesmo!
    ;**

    Red Behavior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Empolgante e te deixa sem fôlego!
      É muito bom, eu adorei.

      Beijooos

      Excluir
  9. Oi Teca, desde o lançamento da série eu estou doida para ler, todos falam tão bem dos livros. Nem assisti ao filme ainda, pretendo ler o livro antes :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu prefiro ler antes, mas nesse caso não achei que "estragou" a experiência assistir primeiro.
      Mas é sempre melhor ler antes.
      :)

      Beijooos

      Excluir
  10. Oláaa,
    Eu li esse livro e adorei!! Ele é mesmo de tirar o fôlego, e a cada página eu ficava mais curiosa para saber o porque que eles estavam ali. Com certeza eu não me decepcionei com o livro e estou querendo dar continuidade a série. Só preciso de uma oportunidade.
    Gostei bastante do filme. Como você disse, pode ter mudanças mas o destino é o mesmo.
    E essa nova edição que tem um revestimento em cima da capa original? Acho que as editoras deveriam começar a adotar esse método, porque assim ficar mais bonito, diferente e não perderia a essência!!!
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, que bom que também gosta tanto do livro quanto do filme.
      Eu gosto dessa questão de ter o revestimento ao invés de trocar todas as capas.
      Acho que te dá opções, né?

      Beijooos

      Excluir
  11. Tecaaaa, que resenha maravilhosa. Tu falando do livro me fez imaginar a sensação de como se eu estivesse lendo. Já ouvi muitas gente falando que amou e muita gente dizendo o contrário. Tenho muita vontade de ler e ver o filme, e pelo visto posso assistir que o livro vai me surpreender do mesmo jeito né!?
    Beijinhos
    radioactivebookss.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jéssica, acho que é aquele tipo de coisa ame ou odeie, sabe?
      Causa reações muito intensas.
      Eu gostei muito e estou mega curiosa para saber como continua.

      Beijooos

      Excluir
  12. Oi, Teca! Eu li Maze Runner mas acabei não tendo tempo de ver o filme ainda... Infelizmente o primeiro livro não me tocou tanto quanto eu esperava. Confesso que achei ele muito intenso, mas não o suficiente pra amá-lo. Então ainda estou com o preguiça de ler os próximos heheheh

    Beijão, Guta!
    www.opinada.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha.
      Quando a história não "pega" a gente, dá taaaaanta preguiça dos próximos, né?
      Por mais que tenha curiosidade.

      Beijooos

      Excluir
  13. Bistequinha!

    Gosto do teu tipo de resenha literaria, ja disse isso? Se nao disse, é verdade <3 confesso tambem wue nunca fui nem atras de nada sobre o livro/filme e aqui eu li tudinho, sinta-se especial hahahaha

    Sabe aquele livro que a gente nem sabe do que se trata mas tem um certo preconceito achando que nao vai gostar? É tipo o que ocorre comigo em relaçao a esse livro. Tipo aquela comida que a gente nunca experimentou, mas diz que nao gosta hahahha

    Beijo
    Beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hellz, me sinto honrada!
      Hahahaha.
      Eu tenho esse tipo de preconceito às vezes também, mas como sou meio masoquista, me aventuro mesmo assim. De vez em quando eu vejo que estava errada, de vez em quando vejo que estava certa, hahaha.

      Beijooos

      Excluir
  14. Oi Teca,
    Eu também não resisti e assisti o filme primeiro. Gostei muito do longa e fiquei bem ansiosa por ler, mas os comentários que acompanho são tão divididos que adiei a leitura por enquanto.
    Que bom que você gostou, espero que os próximos livros sejam bons também :)
    Beijos,

    versosenotas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bárbara, como resistir se o filme já estava ali, né? Hahaha.
      O livro vale a pena, não se preocupe.

      Beijooos

      Excluir