quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

O Canalha, série Os Irmãos Chandler - Resenha


Lááááááá em 2010, no meio de uma viagem, o livro que estava lendo acabou – e naquela época eu levava um só por vez. Hoje levo uns 4, só por via das dúvidas, haha. Então fui numa livraria e achei O Bom Partido, de Carly Phillips (resenha aqui). Nunca tinha ouvido falar, mas gostei da capa e levei. Eis que adorei o livro e descobri que fazia parte de uma série chamada Os Irmãos Chandler e que esse era o segundo da trilogia, mas não tinha problema porque eram histórias independentes. Só que não era uma série muito conhecida no Brasil, então demorei a achar o livro 1, que se chama O Solteirão (resenha aqui), e, enfim, o terceiro e último,  O Canalha, que hoje trago a resenha.

Fotos @casosacasoselivros

Os irmãos Chandler, da cidade de Yorkshire Falls, no Estado de Nova York, são conhecidos por não quererem se amarrar a mulher nenhuma. Bom, eram conhecidos. Roman, o mais novo, se casou, assim como Rick, o filho do meio. Só sobrou o mais velho e mais discreto dos irmãos, Chase. Jornalista, editor do jornal da cidade, ele nunca procurou amor. Quando o pai deles morreu muito cedo, Chase se viu na obrigação de cuidar da família, de criar os irmãos e aliviar o peso da mãe. Anos depois, quando surge a oportunidade de ir para Washington escrever o que talvez seja a matéria da sua vida, ele encontra Sloane, a filha do Senador que está concorrendo à vice-presidência do país e que esconde um segredo que pode colocar a vida dela em perigo. Mesmo sem querer, Chase se vê pela primeira vez encantado por uma mulher, o que pode acabar com todas suas convicções sobre relacionamentos.

Por causa do título, achei que Chase fosse realmente um canalha, mas ele está muito longe disso. Discreto, vivendo sua vida de modo simples, ele nunca foi de se envolver com muitas mulheres. Apenas com algumas poucas e sempre deixando muito claro que não havia compromisso. Ele é tão focado em prover para toda família que esqueceu de pensar em si mesmo. Nunca enganou ninguém, é muito ético e certinho, tanto que às vezes chega a dar raiva. O título em inglês faz mais sentido, que é The Heartbraker, que significa O Destruidor de Corações.

Carly Phillips
Sloane foi uma boa protagonista feminina. Apesar de todo drama que vira seu mundo de cabeça para baixo, ela não ficou apenas se lamentando. Foi atrás do que queria, investigou por si própria os segredos de família e, no meio do caminho, ainda conheceu um cara bacana que bagunçou ainda mais sua vida já caótica. Ela e Chase combinaram muito e rolou química.

Mesmo que O Canalha seja sobre Chase, temos muito dos outros irmãos e da mãe deles, que é ótima e altamente intrometida, afinal, ela fingiu desde o primeiro livro um problema grave de coração para fazer os filhos se casarem e lhe darem netos.

A história é divertida, leve e mesmo que por vezes clichê – alguém duvida de um final feliz? – é bem interessante e ótima para clarear a mente. É aquele livro que a gente pega para ler depois de uma leitura mais pesada, que vai te fazer sorrir e suspirar.

O Canalha, assim como os anteriores da série, tem uma pegada mais hot. Bom, não hot, porque esse não é o foco do livro, mas tem cenas mais calientes. Não a ponto de ser exagerado e nem pesado, mas não é recomendado para leitores tão novinhos.

A única coisa que me deixou triste em O Canalha é que a Editora Essência mudou a identidade visual da capa. Os outros dois volumes eram com ilustrações dos irmãos Chandler e nesse último usaram o mesmo padrão da original, que achei mais feia.

Série Os Irmãos Chandler

Não só O Canalha, mas toda série Os Irmãos Chandler, é divertida, por isso recomendo para vocês.

Teca Machado

Um comentário:

  1. Oi, Teca!
    Gente, realmente essa última capa destoou demais das outras. Achei bem paia isso...
    Confesso que por esse título não leria os livros, mas já vi que realmente são divertidos.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir