quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Waze: Para não se perder nunca mais


Não sei vocês, mas eu sou bem ruinzinha para me localizar na cidade. Vivo perdida e fico alguns minutos vagando sem rumo até achar meu caminho (E por falar nisso, deixa eu contar uma novidade para vocês! Lembram quando eu disse que não era a melhor das motoristas? Então, eu melhorei. Gente, aprendi a fazer baliza! AGORA NINGUÉM ME SEGURA!). Voltando ao assunto, para vocês que sofrem do mesmo problema que eu, apresento o Waze, um aplicativo para smartphones Apple e Android.


O Waze é um GPS diferente. Primeiro: Porque ele é super fofo! Haha. Seu símbolo é uma nuvenzinha em cima de rodas de carro e tudo nele é bonitinho e bem feito. Dá gosto olhar para a tela! Segundo: Porque você não paga nada por ele.

Extremamente fácil de manusear, ele faz tudo o que os outros GPSs fazem: Te leva de um lugar ao outro mostrando um mapa e com orientações sonoras. Só que a graça do Waze é ele ser colaborativo. Isso significa que você pode notificar informações sobre o trânsito, como acidentes, congestionamentos, problemas no trecho e outros. As pessoas que estiverem fazendo esse trajeto recebem o alerta e podem desviar a rota.

Nesse momento estou na setinha azul, haha.

Quase uma Rede Social, ele é interligado com Foursquare, Facebook e Twitter. Você pode criar redes e grupos de direção, o que ajuda a encontrar caronas, fazer check in, conversar com outras pessoas e muito mais.

Achei bonitinho porque quando você começa a usar o aplicativo, você é um Waze bebê. Depois que os quilômetros vão rodando, você sobe de categoria e pode colocar status de humor conforme o trânsito e virar Wazer Ouro, Prata e Bronze.

Menu: Olha que coisa maaaais amor?

Bem prático, o aplicativo aprende os padrões de comportamento do seu dono. Se todos os dias você sai de casa na mesma hora para ir para o mesmo local, depois de algumas vezes ele pergunta se a rota é igual a dos dias anteriores, o que faz com que não seja preciso inserir o endereço todas as vezes.

Quando o seu carro atravessa um trecho ainda não conhecido e cadastrado pelo Waze, o sistema consegue gerar um desenho do mapa. Quanto mais usuários passarem pelo local, mais o mapa fica consolidado e fiel à realidade. 

Os alertas que você recebe e notifica os outros usuários.

Criado por Uri Levine, em Israel, o Waze já tem 400 mil usuários no Brasil e 19 milhões em todo o mundo.

Eu já estou no Waze e estou amando.

Recomendo.

Teca Machado

2 comentários: