terça-feira, 15 de março de 2016

Cidade das Almas Perdidas – Cassandra Clare toma as rédeas de Os Instrumentos Mortais


Harry Potter foi uma saga que começou bem adolescente e com o passar dos livros foi se tornando mais sombria. O mesmo tem acontecido nos livros da série Os Instrumentos Mortais, de Cassandra Clare. Após a leitura de Cidade das Almas Perdidas, quinto e penúltimo livro, vemos que a autora coloca seus personagens em situações cada vez mais difíceis, perversas e amedrontadoras, levando todos, inclusive o leitor, ao seu limite.


Muitas vezes um dos livros mais importantes de uma série é o penúltimo, já que ele é o gancho para o tão esperado desfecho. E Cidades das Almas Perdidas cumpriu muito bem esse papel. Depois de um volume mais ou menos, o Cidade dos Anjos Caídos, Cassandra Clare retomou as rédeas da situação e nos entrega uma história maravilhosa, cheia de pontas que vão se entrelaçando e personagens cativantes que a gente ama faz tempo. As mais de 400 páginas voam e você nem percebe para onde elas foram.

Se você não leu as outras obras da série Os Instrumentos Mortais, os próximos dois parágrafos podem conter spoilers do que já aconteceu (Veja resenha dos outros aqui):

Após Jace sumir no final de Cidade dos Anjos Caídos, duas semanas se passam sem notícias do Caçador de Sombras. Clary passou por uma investigação da Clave e foi considerada inocente, mas a instituição pouco está fazendo para procurar Jace. Para eles o importante é achar Sebastian, o irmão de Clary que reviveu graças ao poder de Lilith. O problema é que após um feitiço, Jace e Sebastian estão interligados. É impossível matar um sem matar o outro.

Cassandra Clare
Quando Clary finalmente encontra Jace, ele não é mais o seu namorado. O corpo é o mesmo, mas a essência dele sumiu. Quem o controla é Sebastian. Então, enquanto se infiltra na “equipe do mal” para tentar salva-lo e descobrir os planos do irmão, Izzy, Simon, Alec e Magnus tentam encontrar uma arma que possa separar os dois rapazes. Mas a convivência com eles pode afetar o julgamento de Clary. Afinal, por amor vale mesmo tudo?

Cidade das Almas Perdidas mexe com as nossas emoções. Muita coisa acontece e ao mesmo tempo. Temos dois núcleos simultâneos, o de Clary com Jace e Sebastian e o dos seus amigos. O interessante é que personagens que nunca tiveram muita voz ganham espaço, como Izzy e Alec, que tem os seus pontos de vista mostrados pela autora. Isso foi de um enriquecimento muito grande para a história, principalmente porque os dois cresceram muito desde o primeiro volume. Simon continua parte importante do enredo e isso é ótimo. Ele é um dos preferidos de todo mundo e, no fim das contas, apesar de ser o menos qualificado é o que mais resolve os problemas.

A escrita é cheia de malícia, bom humor e ironia, o que dá a leveza que o livro precisa, com os alívios cômicos vindos principalmente de Simon, nosso vampiro leal. A sua descrição é em estilo de roteiro, tanto que o leitor consegue se enxergar no local dos acontecimentos, isso tudo sem detalhes demais que deixam a leitura cansativa. Fora que a autora manipula o leitor. Nos apresenta um Sebastian tão bem trabalhado e cativante que me peguei várias vezes pensando “será que ele é mesmo o vilão?”.

Me disseram que o último volume da série, o Cidade do Fogo Celestial, é um final f***, na falta de palavra melhor, e muito emocionante. Também falaram para deixar meu lencinho separado do lado da leitura. Ai, não.

Cidade das Almas Perdidas é o retorno de Cassandra Clare no seu auge. E isso é sensacional.

Recomendo bastante.

Teca Machado

5 comentários:

  1. ja vi mt essa serie nas livrarias, mas ainda nao tive curiosidade em pegar pra ler msm

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, eu adoro, Lívia!
      <3
      É apaixonante!

      Beijooos

      Excluir
  2. Essa série é maravilhosa mesmo. Com um final f*** de verdade e que te levará as lágrimas. Pode acreditar!
    Mas a trilogia Peças Infernais é, na minha opinião, ainda melhor que Os Instrumentos Mortais! Espero que pegue para ler em algum momento porque o crescimento da autora é incrível nos outros livros. E certeza que vai chorar mais ainda!! Hahahahaha

    Mas só estou empolgada para o novo livro dela porque os finais das últimas séries foram ótimos! E é perceptível o crescimento dela a cada título.

    Ficarei esperando você começar o último para debatermos melhor! *-*

    Bjs!!

    livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAH, NÃO!
      Será que eu vou chorar no último?
      Droga... Hahaha.
      Peças Infernais eu não li ainda, quero terminar essa primeiro.
      Mas vou ler, com certeza, ainda mais indicação sua.

      Beijooos

      Excluir
  3. O ruim de sagas muito longas assim é que sempre tem um livro ou outro que fica mais ou menos, mas que bom que depois dele veio esse outro com tudo! E que o último seja ainda melhor! ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir